Fechar
Publicidade

Sábado, 23 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Dois homens morrem após saltarem de prédio em São Bernardo

Outra vítima está em estado grave; grupos costumam praticar rapel e tirolesa no local


Da Redação

28/11/2020 | 17:22


Atualizado às 20h13 

Dois homens morreram e outro ficou em estado grave no início da tarde deste sábado (28) após saltarem de um prédio abandonado no Jardim das Acácias, em São Bernardo. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o edifício, localizado na Rua Gregória de Fregel, costuma atrair grupos para prática de rapel e tirolesa.

Questionada, a Prefeitura de São Bernardo, por meio da Secretaria de Obras e Planejamento Estratégico, afirmou que o terreno em questão é uma propriedade privada, cuja revalidação do alvará de construção de edificações foi obtido no ano passado, com validade até 2023. Segundo a administração, a fiscalização é feita regularmente em propriedades e construções abandonadas, visando recuperar a zeladoria e conservação do espaço.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Dois homens morrem após saltarem de prédio em São Bernardo

Outra vítima está em estado grave; grupos costumam praticar rapel e tirolesa no local

Da Redação

28/11/2020 | 17:22


Atualizado às 20h13 

Dois homens morreram e outro ficou em estado grave no início da tarde deste sábado (28) após saltarem de um prédio abandonado no Jardim das Acácias, em São Bernardo. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o edifício, localizado na Rua Gregória de Fregel, costuma atrair grupos para prática de rapel e tirolesa.

Questionada, a Prefeitura de São Bernardo, por meio da Secretaria de Obras e Planejamento Estratégico, afirmou que o terreno em questão é uma propriedade privada, cuja revalidação do alvará de construção de edificações foi obtido no ano passado, com validade até 2023. Segundo a administração, a fiscalização é feita regularmente em propriedades e construções abandonadas, visando recuperar a zeladoria e conservação do espaço.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;