Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 26 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Doria destaca diferença entre validar Coronavac no exterior e no Brasil



26/11/2020 | 23:22


O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), foi ao Twitter na noite desta quinta-feira, 26, esclarecer o que chamou "confusão" sobre declaração recente em torno da CoronaVac.

Mais cedo, o portal Metrópoles publicou entrevista com o governador com a manchete "Doria afirma que Coronavac pode ser aplicada no Brasil mesmo sem aval da Anvisa". "Há confusão em relação à minha declaração sobre a validação da Coronavac junto à Anvisa. Existe diferença entre validar uma vacina fora do País e autorizar sua aplicação em território nacional", disse Doria, na rede social.

Segundo o governador, a Coronavac, vacina em desenvolvimento pelo Instituto Butantã, ligado ao governo do Estado, em parceria com o laboratório chinês Sinovac, pode ser registrada em agência internacional antes da validação junto à Anvisa. "Mas reitero nossa confiança no registro da Coronavac pela Anvisa para sua aplicação", ponderou o tucano.

Em coletiva de imprensa nesta quinta-feira, Doria voltou a afirmar que o governo estadual tem um plano alternativo para garantir a imunização dos paulistas caso o governo insista em não apresentar a inclusão da vacina no programa de imunização. "Não vamos esperar morrerem mais pessoas para a aplicação de vacinas. Vamos vacinar e salvar os brasileiros de São Paulo, se necessário for. (Colaborou Pedro Caramuru)



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Doria destaca diferença entre validar Coronavac no exterior e no Brasil


26/11/2020 | 23:22


O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), foi ao Twitter na noite desta quinta-feira, 26, esclarecer o que chamou "confusão" sobre declaração recente em torno da CoronaVac.

Mais cedo, o portal Metrópoles publicou entrevista com o governador com a manchete "Doria afirma que Coronavac pode ser aplicada no Brasil mesmo sem aval da Anvisa". "Há confusão em relação à minha declaração sobre a validação da Coronavac junto à Anvisa. Existe diferença entre validar uma vacina fora do País e autorizar sua aplicação em território nacional", disse Doria, na rede social.

Segundo o governador, a Coronavac, vacina em desenvolvimento pelo Instituto Butantã, ligado ao governo do Estado, em parceria com o laboratório chinês Sinovac, pode ser registrada em agência internacional antes da validação junto à Anvisa. "Mas reitero nossa confiança no registro da Coronavac pela Anvisa para sua aplicação", ponderou o tucano.

Em coletiva de imprensa nesta quinta-feira, Doria voltou a afirmar que o governo estadual tem um plano alternativo para garantir a imunização dos paulistas caso o governo insista em não apresentar a inclusão da vacina no programa de imunização. "Não vamos esperar morrerem mais pessoas para a aplicação de vacinas. Vamos vacinar e salvar os brasileiros de São Paulo, se necessário for. (Colaborou Pedro Caramuru)

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;