Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 26 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Correção: Recuperado da covid-19, Cuca volta ao Santos após quase 20 dias



26/11/2020 | 22:50


A nota enviada anteriormente continha um erro de digitação no título. Segue a versão corrigida:

Recuperado da covid-19, o técnico Cuca retomou suas atividades no Santos após quase 20 dias. O treinador ficou internado por nove dias em São Paulo e passou mais dez de repouso, em sua casa em Curitiba, por orientação médica. Livre da doença, ele foi a grande novidade do treinamento desta quinta-feira.

Além dele, os auxiliares Cuquinha e Eudes e o preparador físico Omar Feitosa, que também foram contaminados pelo coronavírus, retornaram ao CT Rei Pelé e participaram do treino desta quinta. O Santos informou que os médicos do clube seguirão acompanhando diariamente os profissionais.

"Estamos felizes de mais em ver todos eles de volta. A gente sabe o quanto o professor Cuca queria estar aqui esses dias e não pôde. É uma doença que está tirando a vida de milhares de pessoas no mundo todo, então ficamos bem preocupados. Por isso é uma felicidade muito grande ter todos eles novamente trabalhando aqui no CT", comemorou o zagueiro Luis Felipe.

A atividade foi a primeira após a vitória por 2 a 1 sobre a LDU na última terça-feira, em Quito, no Equador, pelo duelo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores. Haverá apenas mais um treino antes do duelo contra o Sport, no sábado, às 17 horas (de Brasília), na Vila Belmiro, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Felipe Jonatan, que sentiu um trauma na coxa direita no jogo no Equador, participou da atividade normalmente e está à disposição de Cuca, que também deve contar com os retornos de João Paulo, Madson, Jobson e Sandry, desfalques diante da LDU. Por outro lado, Luan Peres, ainda em isolamento por causa da covid-19, continua fora.

Uma vitória é fundamental para o Santos seguir na parte de cima da tabela do Brasileirão e se recuperar do último revés sofrido no campeonato para o Athletico-PR, contra o qual atuou com uma formação reserva. No momento, o time soma 34 pontos e ocupa a sétima colocação.

"Já conversamos internamente sobre o foco do momento ser o Sport, falamos sobre a importância da vitória nesse jogo para voltarmos até a parte de cima da tabela. O Sport está em uma situação complicada e vem aqui para ganhar o jogo. Temos que fazer valer o fator casa para voltar lá pra cima", afirmou Luiz Felipe.

Existe a possibilidade de o treinador preservar alguns jogadores pensando na partida de volta das oitavas da Libertadores contra a LDU, na Vila Belmiro, na próxima terça-feira, às 19h15. Como venceu o jogo da ida, a equipe alvinegra tem a vantagem de poder empatar para avançar às quartas.

"No Santos não temos somente 11 titulares. Nosso grupo prova sua força a cada dia e pude ajudar a equipe a conquistar a vitória lá no Equador, mas ainda não tem nada ganho", declarou o defensor.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Correção: Recuperado da covid-19, Cuca volta ao Santos após quase 20 dias


26/11/2020 | 22:50


A nota enviada anteriormente continha um erro de digitação no título. Segue a versão corrigida:

Recuperado da covid-19, o técnico Cuca retomou suas atividades no Santos após quase 20 dias. O treinador ficou internado por nove dias em São Paulo e passou mais dez de repouso, em sua casa em Curitiba, por orientação médica. Livre da doença, ele foi a grande novidade do treinamento desta quinta-feira.

Além dele, os auxiliares Cuquinha e Eudes e o preparador físico Omar Feitosa, que também foram contaminados pelo coronavírus, retornaram ao CT Rei Pelé e participaram do treino desta quinta. O Santos informou que os médicos do clube seguirão acompanhando diariamente os profissionais.

"Estamos felizes de mais em ver todos eles de volta. A gente sabe o quanto o professor Cuca queria estar aqui esses dias e não pôde. É uma doença que está tirando a vida de milhares de pessoas no mundo todo, então ficamos bem preocupados. Por isso é uma felicidade muito grande ter todos eles novamente trabalhando aqui no CT", comemorou o zagueiro Luis Felipe.

A atividade foi a primeira após a vitória por 2 a 1 sobre a LDU na última terça-feira, em Quito, no Equador, pelo duelo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores. Haverá apenas mais um treino antes do duelo contra o Sport, no sábado, às 17 horas (de Brasília), na Vila Belmiro, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Felipe Jonatan, que sentiu um trauma na coxa direita no jogo no Equador, participou da atividade normalmente e está à disposição de Cuca, que também deve contar com os retornos de João Paulo, Madson, Jobson e Sandry, desfalques diante da LDU. Por outro lado, Luan Peres, ainda em isolamento por causa da covid-19, continua fora.

Uma vitória é fundamental para o Santos seguir na parte de cima da tabela do Brasileirão e se recuperar do último revés sofrido no campeonato para o Athletico-PR, contra o qual atuou com uma formação reserva. No momento, o time soma 34 pontos e ocupa a sétima colocação.

"Já conversamos internamente sobre o foco do momento ser o Sport, falamos sobre a importância da vitória nesse jogo para voltarmos até a parte de cima da tabela. O Sport está em uma situação complicada e vem aqui para ganhar o jogo. Temos que fazer valer o fator casa para voltar lá pra cima", afirmou Luiz Felipe.

Existe a possibilidade de o treinador preservar alguns jogadores pensando na partida de volta das oitavas da Libertadores contra a LDU, na Vila Belmiro, na próxima terça-feira, às 19h15. Como venceu o jogo da ida, a equipe alvinegra tem a vantagem de poder empatar para avançar às quartas.

"No Santos não temos somente 11 titulares. Nosso grupo prova sua força a cada dia e pude ajudar a equipe a conquistar a vitória lá no Equador, mas ainda não tem nada ganho", declarou o defensor.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;