Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 26 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Suprema Corte impede NY de restringir templos religiosos para conter covid-19

Pixabay Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Instituições religiosas alegaram que limites violam direitos garantidos na constituição americana



26/11/2020 | 20:59


A Suprema Corte dos Estados Unidos impediu Nova York de impor restrições ao funcionamento de serviços religiosos para combater a covid-19. Por quatro votos a cinco, o tribunal suspendeu a determinação do governador Andrew Cuomo de limitar a quantidade de pessoas autorizadas a entrar em templos.

A Diocese Católica Romana de Brooklyn e a Agudath Israel of America, uma organização judaica ortodoxa, alegaram que os limites violavam seus direitos de exercício religioso da Primeira Emenda da Constituição americana. Fonte: Dows Jones Newswires.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Suprema Corte impede NY de restringir templos religiosos para conter covid-19

Instituições religiosas alegaram que limites violam direitos garantidos na constituição americana


26/11/2020 | 20:59


A Suprema Corte dos Estados Unidos impediu Nova York de impor restrições ao funcionamento de serviços religiosos para combater a covid-19. Por quatro votos a cinco, o tribunal suspendeu a determinação do governador Andrew Cuomo de limitar a quantidade de pessoas autorizadas a entrar em templos.

A Diocese Católica Romana de Brooklyn e a Agudath Israel of America, uma organização judaica ortodoxa, alegaram que os limites violavam seus direitos de exercício religioso da Primeira Emenda da Constituição americana. Fonte: Dows Jones Newswires.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;