Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 26 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Black Friday: vender e fidelizar clientes


Do Diário do Grande ABC

25/11/2020 | 23:59


A Black Friday já está batendo à porta dos lojistas e consumidores. E neste ano a expectativa é altíssima. Em período desafiador devido à crise ocasionada pelo avanço do coronavírus, alguns setores da economia, principalmente os que se transformaram digital e rapidamente, conseguiram registrar resultados positivos no primeiro semestre do ano. Para se ter ideia, de acordo com a Compre&Confie (empresa de segurança digital para compras na web), o e-commerce brasileiro faturou R$ 41,92 bilhões nos oito primeiros meses do ano, aumento de 56,8% em relação ao mesmo período do ano passado. Isso significa que, para esse segmento, em especial, a Black Friday deste ano pode ser mais uma grande oportunidade de impulsionar as vendas. Afinal, embora as medidas de distanciamento estejam mais flexíveis, as lojas físicas ainda não podem operar com 100% de sua capacidade, evitando ao máximo as aglomerações. Assim como nos meses anteriores, as lojas on-line devem continuar sendo atrativas aos consumidores.

Ocasiões como essa são ótima oportunidade para apresentar o seu produto a novos clientes e, principalmente, fidelizá-los. Mas, para isso, é importante criar experiência positiva para o consumidor, desde o pré até o pós-compra. Sempre com transparência no que diz respeito aos produtos, forma de pagamento, prazos, preços, condições e políticas de cancelamento e troca. Além de contar com canais de atendimento acessíveis, ágeis e de fácil identificação. Na Black Friday, existe resistência do consumidor em comprar, por desacreditar nas vantagens oferecidas pelas marcas. Por isso, a sugestão é trabalhar no preço e ação de desconto do seu produto com antecedência, planejamento e coerência. Quanto seu caixa pode oferecer? O quanto isso será vantajoso para o cliente? Compreenda que bom preço melhora a imagem que o consumidor tem da sua oferta e consequentemente da sua marca. Além de garantir melhor performance dos seus anúncios.

Diversifique canais de venda, pois, além de agilizar o processo, alcança públicos distintos. Considere até mesmo as redes sociais, que são ideais, inclusive, para direcionamento de campanhas e anúncios. Segundo dados do Ebit Nielsen, os maiores motivadores para compras na última Black Friday foram os sites de busca, redes sociais e o acesso direto às lojas virtuais. Por fim, e não menos importante, esteja preparado e alinhado logisticamente para boom nas vendas. Se a sua entrega for de acordo com a expectativa, isso com certeza trará resultados para as próximas ações e agregará valor para a sua marca de modo geral, fidelizando clientes e reforçando a sua confiança perante o mercado.

Paula Gusmão é CEO do grupo E3, e-lens e Lema21, e formada e tem mestrado em administração.


PALAVRA DO LEITOR

Maradona – 1
Meu coração está em luto. Vá em paz, Dieguito!
Mário Campos
Santo André

Maradona – 2
Se despede, aos 60 anos, o notável craque argentino Diego Maradona! Um dos mais reverenciados craques do futebol mundial. Se teve problemas particulares crônicos e passou por recém e complexa cirurgia, neste momento de sua morte justo é enaltecer a genialidade do futebol que praticou e que encantou torcedores pelos gramados que jogou. Vá em Paz, Maradona!
Paulo David
São Carlos (SP)

Maradona – 3
O falecimento de Diego Maradona é digno de luto no esporte mundial. Foi um dos principais atores do futebol, a ponto de, para os argentinos, superar o Rei Pelé. Sua acidez e as polêmicas sempre foram destaques na mídia Que Deus o acolha.
Humberto Schuwartz Soares
Vila Velha (ES)

Irresponsabilidade
A manchete deste Diário sobre o Grande ABC ter o maior índice de transmissão da Covid-19 nos últimos dias não causa mais surpresa a ninguém (dia 24). A irresponsabilidade pública já passa dos limites aceitáveis. O serviço público é o maior responsável pelo aumento da transmissão, já que está sempre sendo alertado sobre grandes aglomerações, principalmente nos fins de semana, no Paço de São Bernardo. São muitas pessoas sem utilizar máscaras, à noite há grande volume de veículos no estacionamento do Paço, uso de bebidas alcoólicas, presença de menores no meio dos adultos em festas à base de muita farra, gritaria e uso de som alto nos veículos. E isso porque dizem que existe monitoramento no Centro! Não faço ideia como.
Maria de Lourdes Barbosa dos Santos
São Bernardo

Ação de graças
Hoje, a quarta quinta-feira de novembro, se comemora o Dia de Ação de Graças. A tradição é norte-americana e remonta ao tempo da colonização da América do Norte, quando colonos ingleses, radicados em Plymount, Massachussets, para celebrar a boa colheita convidaram índios para banquete onde o prato principal era peru. Até hoje essa tradição é mantida por lá, inclusive sendo a data feriado nacional. Por aqui, muitas famílias com descendência norte-americana procuram manter a tradição. Independentemente de não ser tradição nacional, vou aproveitar a data para agradecer a Deus, não por colheita farta, mas pela manutenção da saúde, minha e de minha família, neste ano turbulento que atravessamos. Não haverá peru nem bebidas, muito menos reunião familiar em razão da pandemia. Nossa ação de graças se resumirá a uma oração sincera dirigida Àquele que nos concedeu a graça da vida.
Vanderlei A. Retondo
Santo André

Ao trabalho!
Dia 17 de fevereiro solicitei ao vice-prefeito e então secretário de Serviços Urbanos da nossa São Bernardo, Marcelo Lima, análise e futura instalação de placa de sinalização de ‘proibido parar e estacionar’ em um local no Baeta Neves. Dia 16 de março o mesmo me afirmou que a solicitação já havia sido encaminhada, porém, até hoje nada foi feito. No dia 17 de agosto questionei o vice-prefeito a respeito da solicitação e até hoje não obtive resposta. Gostaria de relembrá-lo que a eleição em nossa cidade já acabou, ele está reeleito, que pode voltar ao trabalho por São Bernardo e que o segundo turno em Diadema não tem nada a ver com nosso município. Seria de extrema importância o mesmo focar em concluir demandas atrasadas, como a que solicitei em fevereiro, ao invés de fazer campanha em cidade vizinha!
Thiago S. Sangregorio
São Bernardo 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Black Friday: vender e fidelizar clientes

Do Diário do Grande ABC

25/11/2020 | 23:59


A Black Friday já está batendo à porta dos lojistas e consumidores. E neste ano a expectativa é altíssima. Em período desafiador devido à crise ocasionada pelo avanço do coronavírus, alguns setores da economia, principalmente os que se transformaram digital e rapidamente, conseguiram registrar resultados positivos no primeiro semestre do ano. Para se ter ideia, de acordo com a Compre&Confie (empresa de segurança digital para compras na web), o e-commerce brasileiro faturou R$ 41,92 bilhões nos oito primeiros meses do ano, aumento de 56,8% em relação ao mesmo período do ano passado. Isso significa que, para esse segmento, em especial, a Black Friday deste ano pode ser mais uma grande oportunidade de impulsionar as vendas. Afinal, embora as medidas de distanciamento estejam mais flexíveis, as lojas físicas ainda não podem operar com 100% de sua capacidade, evitando ao máximo as aglomerações. Assim como nos meses anteriores, as lojas on-line devem continuar sendo atrativas aos consumidores.

Ocasiões como essa são ótima oportunidade para apresentar o seu produto a novos clientes e, principalmente, fidelizá-los. Mas, para isso, é importante criar experiência positiva para o consumidor, desde o pré até o pós-compra. Sempre com transparência no que diz respeito aos produtos, forma de pagamento, prazos, preços, condições e políticas de cancelamento e troca. Além de contar com canais de atendimento acessíveis, ágeis e de fácil identificação. Na Black Friday, existe resistência do consumidor em comprar, por desacreditar nas vantagens oferecidas pelas marcas. Por isso, a sugestão é trabalhar no preço e ação de desconto do seu produto com antecedência, planejamento e coerência. Quanto seu caixa pode oferecer? O quanto isso será vantajoso para o cliente? Compreenda que bom preço melhora a imagem que o consumidor tem da sua oferta e consequentemente da sua marca. Além de garantir melhor performance dos seus anúncios.

Diversifique canais de venda, pois, além de agilizar o processo, alcança públicos distintos. Considere até mesmo as redes sociais, que são ideais, inclusive, para direcionamento de campanhas e anúncios. Segundo dados do Ebit Nielsen, os maiores motivadores para compras na última Black Friday foram os sites de busca, redes sociais e o acesso direto às lojas virtuais. Por fim, e não menos importante, esteja preparado e alinhado logisticamente para boom nas vendas. Se a sua entrega for de acordo com a expectativa, isso com certeza trará resultados para as próximas ações e agregará valor para a sua marca de modo geral, fidelizando clientes e reforçando a sua confiança perante o mercado.

Paula Gusmão é CEO do grupo E3, e-lens e Lema21, e formada e tem mestrado em administração.


PALAVRA DO LEITOR

Maradona – 1
Meu coração está em luto. Vá em paz, Dieguito!
Mário Campos
Santo André

Maradona – 2
Se despede, aos 60 anos, o notável craque argentino Diego Maradona! Um dos mais reverenciados craques do futebol mundial. Se teve problemas particulares crônicos e passou por recém e complexa cirurgia, neste momento de sua morte justo é enaltecer a genialidade do futebol que praticou e que encantou torcedores pelos gramados que jogou. Vá em Paz, Maradona!
Paulo David
São Carlos (SP)

Maradona – 3
O falecimento de Diego Maradona é digno de luto no esporte mundial. Foi um dos principais atores do futebol, a ponto de, para os argentinos, superar o Rei Pelé. Sua acidez e as polêmicas sempre foram destaques na mídia Que Deus o acolha.
Humberto Schuwartz Soares
Vila Velha (ES)

Irresponsabilidade
A manchete deste Diário sobre o Grande ABC ter o maior índice de transmissão da Covid-19 nos últimos dias não causa mais surpresa a ninguém (dia 24). A irresponsabilidade pública já passa dos limites aceitáveis. O serviço público é o maior responsável pelo aumento da transmissão, já que está sempre sendo alertado sobre grandes aglomerações, principalmente nos fins de semana, no Paço de São Bernardo. São muitas pessoas sem utilizar máscaras, à noite há grande volume de veículos no estacionamento do Paço, uso de bebidas alcoólicas, presença de menores no meio dos adultos em festas à base de muita farra, gritaria e uso de som alto nos veículos. E isso porque dizem que existe monitoramento no Centro! Não faço ideia como.
Maria de Lourdes Barbosa dos Santos
São Bernardo

Ação de graças
Hoje, a quarta quinta-feira de novembro, se comemora o Dia de Ação de Graças. A tradição é norte-americana e remonta ao tempo da colonização da América do Norte, quando colonos ingleses, radicados em Plymount, Massachussets, para celebrar a boa colheita convidaram índios para banquete onde o prato principal era peru. Até hoje essa tradição é mantida por lá, inclusive sendo a data feriado nacional. Por aqui, muitas famílias com descendência norte-americana procuram manter a tradição. Independentemente de não ser tradição nacional, vou aproveitar a data para agradecer a Deus, não por colheita farta, mas pela manutenção da saúde, minha e de minha família, neste ano turbulento que atravessamos. Não haverá peru nem bebidas, muito menos reunião familiar em razão da pandemia. Nossa ação de graças se resumirá a uma oração sincera dirigida Àquele que nos concedeu a graça da vida.
Vanderlei A. Retondo
Santo André

Ao trabalho!
Dia 17 de fevereiro solicitei ao vice-prefeito e então secretário de Serviços Urbanos da nossa São Bernardo, Marcelo Lima, análise e futura instalação de placa de sinalização de ‘proibido parar e estacionar’ em um local no Baeta Neves. Dia 16 de março o mesmo me afirmou que a solicitação já havia sido encaminhada, porém, até hoje nada foi feito. No dia 17 de agosto questionei o vice-prefeito a respeito da solicitação e até hoje não obtive resposta. Gostaria de relembrá-lo que a eleição em nossa cidade já acabou, ele está reeleito, que pode voltar ao trabalho por São Bernardo e que o segundo turno em Diadema não tem nada a ver com nosso município. Seria de extrema importância o mesmo focar em concluir demandas atrasadas, como a que solicitei em fevereiro, ao invés de fazer campanha em cidade vizinha!
Thiago S. Sangregorio
São Bernardo 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;