Fechar
Publicidade

Sábado, 23 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Conmebol adia Inter x Boca Juniors para a próxima semana após morte de Maradona



25/11/2020 | 15:58


O Boca Juniors não vai entrar em campo nesta quarta-feira para enfrentar o Internacional pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores. Em função do falecimento de Diego Maradona, ídolo e ex-jogador do clube, a Conmebol optou pelo adiamento da partida, que seria realizada no Beira-Rio.

O confronto foi adiado em uma semana, para 2 de dezembro, exatamente em que seria realizado o duelo de volta, em Buenos Aires. Agora, então, o confronto de volta também foi postergado em uma semana, para o dia 9, no estádio La Bombonera.

"A Conmebol, por meio de sua diretoria de competições de clubes, decidiu alterar a data dos jogos das oitavas de final das oitavas de final entre Boca Juniors x Internacional pela Libertadores 2020, devido à morte da estrela do futebol Diego Maradona e sua estreita ligação com o clube argentino", afirmou.

Torcedor declarado do Boca Juniors, Maradona também vestiu as cores do clube como jogador. Após dar seus passos iniciais no futebol pelo Argentinos Juniors, defendeu o time em 1981 e 1982, antes de se transferir para o Barcelona. Também foi pelo Boca onde encerrou a sua carreira profissional. Depois disso, era visto constantemente no camarote pessoal em La Bombonera para acompanhar e apoiar o time em seus jogos.

Maradona também possuía relação estreita com personagens do atual elenco do Boca, hoje dirigido por Miguel Angel Russo, que foi seu companheiro na seleção argentina. Um deles é o atacante Carlitos Tevez.

Maradona ficou internado por cerca de dez dias em um hospital no início de novembro, onde se detectou uma hematoma no cérebro, do qual foi operado com êxito. Depois disso, vinha se recuperando na sua residência, em Tigre, na região metropolitana de Buenos Aires, faleceu depois de sofrer uma parada cardíaca, nesta quarta. Ele tinha 60 anos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Conmebol adia Inter x Boca Juniors para a próxima semana após morte de Maradona


25/11/2020 | 15:58


O Boca Juniors não vai entrar em campo nesta quarta-feira para enfrentar o Internacional pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores. Em função do falecimento de Diego Maradona, ídolo e ex-jogador do clube, a Conmebol optou pelo adiamento da partida, que seria realizada no Beira-Rio.

O confronto foi adiado em uma semana, para 2 de dezembro, exatamente em que seria realizado o duelo de volta, em Buenos Aires. Agora, então, o confronto de volta também foi postergado em uma semana, para o dia 9, no estádio La Bombonera.

"A Conmebol, por meio de sua diretoria de competições de clubes, decidiu alterar a data dos jogos das oitavas de final das oitavas de final entre Boca Juniors x Internacional pela Libertadores 2020, devido à morte da estrela do futebol Diego Maradona e sua estreita ligação com o clube argentino", afirmou.

Torcedor declarado do Boca Juniors, Maradona também vestiu as cores do clube como jogador. Após dar seus passos iniciais no futebol pelo Argentinos Juniors, defendeu o time em 1981 e 1982, antes de se transferir para o Barcelona. Também foi pelo Boca onde encerrou a sua carreira profissional. Depois disso, era visto constantemente no camarote pessoal em La Bombonera para acompanhar e apoiar o time em seus jogos.

Maradona também possuía relação estreita com personagens do atual elenco do Boca, hoje dirigido por Miguel Angel Russo, que foi seu companheiro na seleção argentina. Um deles é o atacante Carlitos Tevez.

Maradona ficou internado por cerca de dez dias em um hospital no início de novembro, onde se detectou uma hematoma no cérebro, do qual foi operado com êxito. Depois disso, vinha se recuperando na sua residência, em Tigre, na região metropolitana de Buenos Aires, faleceu depois de sofrer uma parada cardíaca, nesta quarta. Ele tinha 60 anos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;