Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 25 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Parque Estoril acolhe filhote de gato-do-mato resgatado em Cotia

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Fêmea com menos de dois meses passou por avaliação e segue em observação; espécie está em extinção e pode retornar à natureza


Yasmin Assagra
Do Diário do Grande ABC

25/11/2020 | 00:01


Filhote fêmea da espécie de gato-do-mato – ou Leopardus Guttulus, felino originário da América Central e América do Sul – foi resgatada, segunda-feira, pela Polícia Ambiental e encaminhada ao Zoológico Municipal de São Bernardo, localizado dentro do Parque Estoril. O animal foi encontrado na região da Reserva Morro Grande, em Cotia, na Grande São Paulo.

A felina de apenas um mês e meio de vida foi resgatada na beira de uma estrada no local e, chegando em São Bernardo, precisou de cuidados, já que estava desidratada e necessitando de soro.

De acordo com a equipe que a recebeu, o animal foi encontrado cercado por cães, mas sem sinais aparentes de ferimentos. Logo após o resgate, profissionais da polícia encaminharam o animal para o parque em viagem de mais de 80 quilômetros.

A chegada ao zoológico foi diferente para a nova hóspede, que recebeu cuidados de equipe multidisciplicar composta por veterinários e biológos. Apesar do susto, a felina passa bem e se encontra com saúde estável, mas continua em observação. De acordo com a Prefeitura, o filhote deve passar, pelos próximos dias, por série de exames e, posteriormente, será vermifugado e vacinado.

Por se tratar de um animal filhote, que não completou dois meses de vida, a equipe vai analisar sua recuperação durante os próximos dias e, dependendo do seu comportamento e condições de saúde, pode retornar para natureza.

A bióloga responsável pelo zoológico do Parque Estoril, Jeniffer Novaes, explica que o animal está em extinção e, por isso, é de extrema importância preservar essa espécie.

“Por ser um animal vulnerável e em extinção, é fundamental que aconteça essa preservação, tão importante quanto outras espécies de portes maiores”, comenta a bióloga. Pelo local que a felina foi encontrada, Jeniffer acredita que o filhote seja nativo do bioma de Mata Atlântica.

RESGATES
Responsável pelo cuidado e preservação da fauna e flora de toda cidade, o Zoológico de São Bernardo é a única instituição com atendimento direcionado ao cuidado animal silvestre no Grande ABC. Mesmo com a pandemia da Covid-19, de janeiro a novembro, 508 animais resgatados pelas sete cidades foram acolhidos pela equipe do espaço.

Atualmente, o zoológico conta com 70 espécies e aproximadamente 250 animais, sendo grande parte proveniente da Mata Atlântica da região, todos abrigados em viveiros adaptados para atender às necessidades de cada um. Muitos, devido a lesões permanentes, não podem retornar à natureza.

O local está aberto para visitação de quarta a domingo, das 9h às 17h. A entrada é gratuita para morador com carteirinha do parque, que pode ser feita na administração do local (documento com foto, uma foto 3x4 e comprovante de residência). Para as pessoas que não são moradores, a entrada custa R$ 3. O Parque Estoril fica localizado na Rua Portugal, 1.100, Riacho Grande.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Parque Estoril acolhe filhote de gato-do-mato resgatado em Cotia

Fêmea com menos de dois meses passou por avaliação e segue em observação; espécie está em extinção e pode retornar à natureza

Yasmin Assagra
Do Diário do Grande ABC

25/11/2020 | 00:01


Filhote fêmea da espécie de gato-do-mato – ou Leopardus Guttulus, felino originário da América Central e América do Sul – foi resgatada, segunda-feira, pela Polícia Ambiental e encaminhada ao Zoológico Municipal de São Bernardo, localizado dentro do Parque Estoril. O animal foi encontrado na região da Reserva Morro Grande, em Cotia, na Grande São Paulo.

A felina de apenas um mês e meio de vida foi resgatada na beira de uma estrada no local e, chegando em São Bernardo, precisou de cuidados, já que estava desidratada e necessitando de soro.

De acordo com a equipe que a recebeu, o animal foi encontrado cercado por cães, mas sem sinais aparentes de ferimentos. Logo após o resgate, profissionais da polícia encaminharam o animal para o parque em viagem de mais de 80 quilômetros.

A chegada ao zoológico foi diferente para a nova hóspede, que recebeu cuidados de equipe multidisciplicar composta por veterinários e biológos. Apesar do susto, a felina passa bem e se encontra com saúde estável, mas continua em observação. De acordo com a Prefeitura, o filhote deve passar, pelos próximos dias, por série de exames e, posteriormente, será vermifugado e vacinado.

Por se tratar de um animal filhote, que não completou dois meses de vida, a equipe vai analisar sua recuperação durante os próximos dias e, dependendo do seu comportamento e condições de saúde, pode retornar para natureza.

A bióloga responsável pelo zoológico do Parque Estoril, Jeniffer Novaes, explica que o animal está em extinção e, por isso, é de extrema importância preservar essa espécie.

“Por ser um animal vulnerável e em extinção, é fundamental que aconteça essa preservação, tão importante quanto outras espécies de portes maiores”, comenta a bióloga. Pelo local que a felina foi encontrada, Jeniffer acredita que o filhote seja nativo do bioma de Mata Atlântica.

RESGATES
Responsável pelo cuidado e preservação da fauna e flora de toda cidade, o Zoológico de São Bernardo é a única instituição com atendimento direcionado ao cuidado animal silvestre no Grande ABC. Mesmo com a pandemia da Covid-19, de janeiro a novembro, 508 animais resgatados pelas sete cidades foram acolhidos pela equipe do espaço.

Atualmente, o zoológico conta com 70 espécies e aproximadamente 250 animais, sendo grande parte proveniente da Mata Atlântica da região, todos abrigados em viveiros adaptados para atender às necessidades de cada um. Muitos, devido a lesões permanentes, não podem retornar à natureza.

O local está aberto para visitação de quarta a domingo, das 9h às 17h. A entrada é gratuita para morador com carteirinha do parque, que pode ser feita na administração do local (documento com foto, uma foto 3x4 e comprovante de residência). Para as pessoas que não são moradores, a entrada custa R$ 3. O Parque Estoril fica localizado na Rua Portugal, 1.100, Riacho Grande.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;