Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Alencar volta a criticar altas taxas de juros


Do Diário OnLine

10/05/2004 | 13:30


O vice-presidente da República, José Alencar (PL), voltou a criticar nesta segunda-feira a taxa básica de juros da economia brasileira, atualmente em 16% ao ano. Durante um fórum promovido pelo Partido Liberal, ele disse que a taxa de juros é um “entrave terrível” ao crescimento econômico.

“As taxas têm se constituído como entraves terríveis ao crescimento econômico. Os juros são um obstáculo incontornável para a geração de novos empregos e para a recuperação da renda no Brasil”, avaliou.

“A crise social que atravessamos talvez seja a maior da História e ela não permite atitude contemporizadas sob pena de degenerar-se e virar uma crise política. Temos que reagir e apresentar soluções. O Brasil é um país rico e não pode curvar-se a uma situação de crise social”, disse Alencar.

Alencar ainda criticou a política econômica do governo anterior e afirmou que ela criou uma armadilha para o governo de Luiz Inácio Lula da Silva, já que tornou o país dependente de investimentos externos.

“O governo anterior nos criou uma armadilha, nos meteu numa política econômica alienante. Atribuiu ao capital estrangeiro a tarefa de nos resgatar. Tudo o que fizemos foi para atender e atrair o capital estrangeiro e os juros eram estratosféricos. Uma política fiscal irresponsável. O custo da dívida pública é superior ao superávit primário”, disse.

O vice-presidente ressaltou que o PL faz parte da coligação que elegeu o presidente e participa do governo, mas disse que faz parte de um “relacionamento fraterno e leal” apontar um erro. “Somos um partido independente. O PL acredita em si mesmo e em seu papel de mobilizar outras forças políticas e sociais. Só superaremos a profunda crise social se acreditarmos em nossas próprias forças”, disse.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;