Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 3 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Biden defende aprovação de pacote fiscal e pressiona Trump por dados sobre Covid

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


16/11/2020 | 18:23


O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, defendeu a aprovação de um pacote fiscal pelo Congresso americano para superar a crise do novo coronavírus no País, em coletiva de imprensa nesta segunda-feira, 16. De acordo com Biden, que diz ter conversado com líderes sindicais e CEOs de empresas americanas como a Microsoft e General Motors, é importante que o governo americano não poupe esforços para controlar o novo coronavírus e possibilitar a retomada completa da atividade econômica nos EUA.

Após comemorar os resultados divulgados por Pfizer e Moderna sobre a eficácia de suas vacinas experimentais contra o novo coronavírus, Biden pressionou o governo de Donald Trump a repassar as informações disponíveis sobre a pandemia do novo coronavírus no País. "Mais pessoas podem morrer se não coordenarmos a transição para a nova administração", disse o presidente eleito sobre a recusa de Trump em repassar os dados da pandemia.

Para Biden, é importante que os cidadãos americanos continuem usando máscara enquanto uma vacina contra o novo coronavírus não esteja disponível a todos. O democrata ainda afirmou que "não hesitará" em tomar um imunizante assim que uma das vacinas candidatas for aprovada nos EUA.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Biden defende aprovação de pacote fiscal e pressiona Trump por dados sobre Covid


16/11/2020 | 18:23


O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, defendeu a aprovação de um pacote fiscal pelo Congresso americano para superar a crise do novo coronavírus no País, em coletiva de imprensa nesta segunda-feira, 16. De acordo com Biden, que diz ter conversado com líderes sindicais e CEOs de empresas americanas como a Microsoft e General Motors, é importante que o governo americano não poupe esforços para controlar o novo coronavírus e possibilitar a retomada completa da atividade econômica nos EUA.

Após comemorar os resultados divulgados por Pfizer e Moderna sobre a eficácia de suas vacinas experimentais contra o novo coronavírus, Biden pressionou o governo de Donald Trump a repassar as informações disponíveis sobre a pandemia do novo coronavírus no País. "Mais pessoas podem morrer se não coordenarmos a transição para a nova administração", disse o presidente eleito sobre a recusa de Trump em repassar os dados da pandemia.

Para Biden, é importante que os cidadãos americanos continuem usando máscara enquanto uma vacina contra o novo coronavírus não esteja disponível a todos. O democrata ainda afirmou que "não hesitará" em tomar um imunizante assim que uma das vacinas candidatas for aprovada nos EUA.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;