Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 2 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Favorito segundo pesquisas, Claudinho mantém pés no chão em Rio Grande

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Candidato do Podemos diz que vai esperar pela apuração, mas ressalta boa receptividade da população: 'Campanha diferente, com emoção'


Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

15/11/2020 | 13:58


O ex-vereador Claudinho da Geladeira (Podemos) manteve os pés no chão, apesar do favoritismo na corrida à Prefeitura de Rio Grande da Serra. Ele disse que “não está nada ganho”, a despeito de ressaltar a boa receptividade nas ruas.

“A campanha foi muito positiva, foi diferente, com uma recepção incrível da população. Rio Grande da Serra tem 31 quilômetros quadrados, mas eu e a minha vice, a Penha (Fumagalli, PTB), rodamos com certeza uns 100 quilômetros, porque fomos a vários cantos dessa cidade, mostrando o lado positivo de Rio Grande, mostrando o nosso plano de governo, que é dar uma cara econômica ao município”, disse Claudinho, que votou em colégio no bairro Santa Tereza.

Pela terceira vez na disputa pela Prefeitura de Rio Grande, Claudinho garantiu que a ansiedade não atrapalha. “Estou tranquilo, bem tranquilo. Está nas mãos de Deus. Foi trabalho positivo e bom.”

“A gente está sempre defendendo a cidade, que Rio Grande possa deixar de ser um bairro do Grande ABC. Essa é nossa luta, sempre foi. A população conhece Paranapiacaba (distrito de Santo André) e o Riacho Grande (distrito de São Bernardo), mas não conhece Rio Grande”, emendou Claudinho. “Rio Grande precisa deixar de ser uma cidade dormitório. Temos apenas um posto de gasolina. Não temos farmácia 24 horas. O povo vai buscar emprego na cidade vizinha porque aqui, de fato, não tem. É preciso dar identidade econômica a Rio Grande.” 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Favorito segundo pesquisas, Claudinho mantém pés no chão em Rio Grande

Candidato do Podemos diz que vai esperar pela apuração, mas ressalta boa receptividade da população: 'Campanha diferente, com emoção'

Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

15/11/2020 | 13:58


O ex-vereador Claudinho da Geladeira (Podemos) manteve os pés no chão, apesar do favoritismo na corrida à Prefeitura de Rio Grande da Serra. Ele disse que “não está nada ganho”, a despeito de ressaltar a boa receptividade nas ruas.

“A campanha foi muito positiva, foi diferente, com uma recepção incrível da população. Rio Grande da Serra tem 31 quilômetros quadrados, mas eu e a minha vice, a Penha (Fumagalli, PTB), rodamos com certeza uns 100 quilômetros, porque fomos a vários cantos dessa cidade, mostrando o lado positivo de Rio Grande, mostrando o nosso plano de governo, que é dar uma cara econômica ao município”, disse Claudinho, que votou em colégio no bairro Santa Tereza.

Pela terceira vez na disputa pela Prefeitura de Rio Grande, Claudinho garantiu que a ansiedade não atrapalha. “Estou tranquilo, bem tranquilo. Está nas mãos de Deus. Foi trabalho positivo e bom.”

“A gente está sempre defendendo a cidade, que Rio Grande possa deixar de ser um bairro do Grande ABC. Essa é nossa luta, sempre foi. A população conhece Paranapiacaba (distrito de Santo André) e o Riacho Grande (distrito de São Bernardo), mas não conhece Rio Grande”, emendou Claudinho. “Rio Grande precisa deixar de ser uma cidade dormitório. Temos apenas um posto de gasolina. Não temos farmácia 24 horas. O povo vai buscar emprego na cidade vizinha porque aqui, de fato, não tem. É preciso dar identidade econômica a Rio Grande.” 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;