Fechar
Publicidade

Domingo, 28 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Diniz agradece apoio após ida de Ceni ao Fla: 'Importante ter carinho da torcida'

Reprodução Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


12/11/2020 | 08:41


Fernando Diniz agradeceu o carinho dos torcedores do São Paulo ocorrido após a confirmação de Rogério Ceni, um dos maiores ídolos da história do clube, como novo treinador do Flamengo. Mantido no cargo mesmo após muita pressão e críticas da torcida, o técnico ganhou uma campanha de apoio nas redes sociais, que deverá crescer ainda mais depois da vitória por 2 a 1 sobre o time carioca, no estádio do Maracanã, pelas quartas de final da Copa do Brasil.

"Todo mundo gosta de ser agraciado com o carinho do torcedor e a gente luta insistentemente nesse futebol, que é de massa, com esses milhões de torcedores são-paulinos que querem ver o time ganhar jogos e levantar taças. É importante ter o carinho do torcedor, ter equilíbrio e poder avançar nas competições. Fazer o máximo para ganharmos os jogos e alegrar nossa torcida", disse Diniz, que destacou a paciência e a coragem com seu trabalho.

"Não sei se é o melhor momento da relação (com a torcida). Os dirigentes, mais do que paciência, eles tiveram coragem e persistência junto comigo para poder tocar o trabalho. De fato, aqui é um trabalho colegiado, dividido entre diretoria, comissão e jogadores para levarmos um serviço de qualidade para o torcedor, principalmente com vitórias", prosseguiu.

Sobre o jogo de quarta-feira, o técnico explicou alguns erros cometidos especialmente no primeiro tempo, quando o Flamengo comandou as ações. "Quanto aos erros, não tem nada de kamikaze. Treinar para sair como a gente sai, a gente treina muito. No primeiro tempo achei que, por falta de acelerar o jogo em alguns momentos, deu oportunidade aos jogadores do Flamengo. Os outros erros são difíceis precisar o motivo. Tem erro técnico, posicionamento de corpo errado para acelerar", afirmou.

Diniz minimizou a vantagem que o São Paulo construiu no Maracanã. Com a vitória sobre o Flamengo, agora pode se classificar no jogo de volta, na próxima quarta-feira, no estádio do Morumbi, com um empate. "Acho que a vantagem a gente tem que esquecer. Procurar corrigir os erros porque o Flamengo é uma grande equipe. Tinha um excelente treinador (o espanhol Domènec Torrent), agora tem outro. Temos que melhorar algumas coisas para o jogo no Morumbi", completou.

Antes disso, o São Paulo volta as suas atenções para o Campeonato Brasileiro. O time tricolor enfrenta o Fortaleza, neste sábado, na Arena Castelão, em Fortaleza, pela 21.ª rodada.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Diniz agradece apoio após ida de Ceni ao Fla: 'Importante ter carinho da torcida'


12/11/2020 | 08:41


Fernando Diniz agradeceu o carinho dos torcedores do São Paulo ocorrido após a confirmação de Rogério Ceni, um dos maiores ídolos da história do clube, como novo treinador do Flamengo. Mantido no cargo mesmo após muita pressão e críticas da torcida, o técnico ganhou uma campanha de apoio nas redes sociais, que deverá crescer ainda mais depois da vitória por 2 a 1 sobre o time carioca, no estádio do Maracanã, pelas quartas de final da Copa do Brasil.

"Todo mundo gosta de ser agraciado com o carinho do torcedor e a gente luta insistentemente nesse futebol, que é de massa, com esses milhões de torcedores são-paulinos que querem ver o time ganhar jogos e levantar taças. É importante ter o carinho do torcedor, ter equilíbrio e poder avançar nas competições. Fazer o máximo para ganharmos os jogos e alegrar nossa torcida", disse Diniz, que destacou a paciência e a coragem com seu trabalho.

"Não sei se é o melhor momento da relação (com a torcida). Os dirigentes, mais do que paciência, eles tiveram coragem e persistência junto comigo para poder tocar o trabalho. De fato, aqui é um trabalho colegiado, dividido entre diretoria, comissão e jogadores para levarmos um serviço de qualidade para o torcedor, principalmente com vitórias", prosseguiu.

Sobre o jogo de quarta-feira, o técnico explicou alguns erros cometidos especialmente no primeiro tempo, quando o Flamengo comandou as ações. "Quanto aos erros, não tem nada de kamikaze. Treinar para sair como a gente sai, a gente treina muito. No primeiro tempo achei que, por falta de acelerar o jogo em alguns momentos, deu oportunidade aos jogadores do Flamengo. Os outros erros são difíceis precisar o motivo. Tem erro técnico, posicionamento de corpo errado para acelerar", afirmou.

Diniz minimizou a vantagem que o São Paulo construiu no Maracanã. Com a vitória sobre o Flamengo, agora pode se classificar no jogo de volta, na próxima quarta-feira, no estádio do Morumbi, com um empate. "Acho que a vantagem a gente tem que esquecer. Procurar corrigir os erros porque o Flamengo é uma grande equipe. Tinha um excelente treinador (o espanhol Domènec Torrent), agora tem outro. Temos que melhorar algumas coisas para o jogo no Morumbi", completou.

Antes disso, o São Paulo volta as suas atenções para o Campeonato Brasileiro. O time tricolor enfrenta o Fortaleza, neste sábado, na Arena Castelão, em Fortaleza, pela 21.ª rodada.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;