Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 14 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

'Eles estão encontrando votos de Biden em todos os lugares', diz Trump



04/11/2020 | 14:25


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou a colocar em dúvida o processo de apuração dos votos na eleição presidencial norte-americana, em que ele disputa um segundo mandato contra o candidato democrata Joe Biden. "Eles estão encontrando votos de Biden em todos os lugares - na Pensilvânia, Wisconsin e Michigan. Tão ruim para o nosso país!", escreveu o republicano em sua conta oficial no Twitter.

O atual chefe da Casa Branca também declarou que "estão trabalhando duro" para "fazer desaparecer" a vantagem de 500 mil votos que ele tem na Pensilvânia.

Segundo o New York Times, com 97% dos votos apurados no Wisconsin, Biden lidera com 49,5% e Trump tem 48,8%.

No Michigan, com 92% das urnas apuradas, o democrata aparece com 49,5% e o republicano, com 48,9%.

Na Pensilvânia, Trump está na frente com 53,6% e Biden tem 45,1%, com 80% dos votos apurados.

Esses Estados divulgam resultados de forma mais lenta porque os votos por correio só começaram a ser contabilizados na terça-feira, no dia da eleição.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

'Eles estão encontrando votos de Biden em todos os lugares', diz Trump


04/11/2020 | 14:25


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou a colocar em dúvida o processo de apuração dos votos na eleição presidencial norte-americana, em que ele disputa um segundo mandato contra o candidato democrata Joe Biden. "Eles estão encontrando votos de Biden em todos os lugares - na Pensilvânia, Wisconsin e Michigan. Tão ruim para o nosso país!", escreveu o republicano em sua conta oficial no Twitter.

O atual chefe da Casa Branca também declarou que "estão trabalhando duro" para "fazer desaparecer" a vantagem de 500 mil votos que ele tem na Pensilvânia.

Segundo o New York Times, com 97% dos votos apurados no Wisconsin, Biden lidera com 49,5% e Trump tem 48,8%.

No Michigan, com 92% das urnas apuradas, o democrata aparece com 49,5% e o republicano, com 48,9%.

Na Pensilvânia, Trump está na frente com 53,6% e Biden tem 45,1%, com 80% dos votos apurados.

Esses Estados divulgam resultados de forma mais lenta porque os votos por correio só começaram a ser contabilizados na terça-feira, no dia da eleição.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;