Fechar
Publicidade

Domingo, 28 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Governo faz homenagem às vítimas da Covid-19 com 'minuto de sirene'

Pixabay Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


02/11/2020 | 14:01


O governo de São Paulo aproveitou o Dia de Finados nesta segunda-feira, 2, para prestar sua homenagem às quase 40 mil vítimas da covid-19 no Estado com um "minuto de sirene" pelo centro da capital. De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde, 32 ambulâncias foram acionadas às 12h, no entorno do Largo do Arouche.

"Não ficamos apenas com um minuto de silêncio, nós colocamos as sirenes para soarem bem alto no coração das pessoas para elas se sensibilizarem e lembrarem com respeito dos que morreram", afirmou o secretário de Saúde do Estado, Jean Gorinchteyn, durante a cerimônia. Ele também aproveitou a oportunidade para defender as medidas de isolamento social, o uso de máscaras e a aprovação de vacinas contra o coronavírus. "Não importa quantas. Precisamos de muitas. É isso o que vai fazer que nós possamos voltar ao normal."

Além do ato, também foram espalhadas faixas pretas com a hashtag "Use máscara" em 16 monumentos históricos da capital. Em nota, o governo lembra que o Estado está oficialmente de luto desde 6 de maio, quando João Doria (PSDB) decretou que o período solene se estendesse até o final da pandemia.

Ao todo, São Paulo já contabilizou 39.331 mortes e 1.117.147 pessoas infectadas pelo novo coronavírus.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Governo faz homenagem às vítimas da Covid-19 com 'minuto de sirene'


02/11/2020 | 14:01


O governo de São Paulo aproveitou o Dia de Finados nesta segunda-feira, 2, para prestar sua homenagem às quase 40 mil vítimas da covid-19 no Estado com um "minuto de sirene" pelo centro da capital. De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde, 32 ambulâncias foram acionadas às 12h, no entorno do Largo do Arouche.

"Não ficamos apenas com um minuto de silêncio, nós colocamos as sirenes para soarem bem alto no coração das pessoas para elas se sensibilizarem e lembrarem com respeito dos que morreram", afirmou o secretário de Saúde do Estado, Jean Gorinchteyn, durante a cerimônia. Ele também aproveitou a oportunidade para defender as medidas de isolamento social, o uso de máscaras e a aprovação de vacinas contra o coronavírus. "Não importa quantas. Precisamos de muitas. É isso o que vai fazer que nós possamos voltar ao normal."

Além do ato, também foram espalhadas faixas pretas com a hashtag "Use máscara" em 16 monumentos históricos da capital. Em nota, o governo lembra que o Estado está oficialmente de luto desde 6 de maio, quando João Doria (PSDB) decretou que o período solene se estendesse até o final da pandemia.

Ao todo, São Paulo já contabilizou 39.331 mortes e 1.117.147 pessoas infectadas pelo novo coronavírus.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;