Fechar
Publicidade

Sábado, 27 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

diarinho@dgabc.com.br | 4435-8396

Leitura abre asas para a imaginação

Pixabay Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Hábito de ler deve ser incentivado na infância, pois estimula escrita, emoções e criatividade


Vinícius Castelli
Do Diário do Grande ABC

01/11/2020 | 07:00


Iniciar uma leitura é embarcar em uma nova viagem. Abre as portas e janelas para a imaginação, faz conhecer personagens e histórias maravilhosas. Para Elisangela dos Santos Meira, escritora e professora de língua portuguesa de Mauá, entre os benefícios da leitura ainda quando se é criança, estão o desenvolvimento da escrita e dos assuntos relacionados à linguagem de modo geral.

Além disso, ela cita a “beleza do descobrimento das emoções, do espaço que se abre para a criatividade e para a imaginação. A leitura aponta os primeiros caminhos para a resolução de questões do cotidiano da criança, como o brincar, o estudar e as questões internas do ser em formação”, diz.

A professora explica que o cérebro precisa ser estimulado, e quanto mais estímulos da leitura receber, terá muitas de suas habilidades desenvolvidas. “A criança que lê levará consigo os benefícios destas vivências para a vida adulta.”

Para a professora, a leitura pode fazer surgir o escritor, o ator, o jornalista, o astronauta, a bailarina, o professor. “É nisso que reside todo o fascínio da leitura. Você pode se tornar quem você quiser ser e sonhar.”

Na última quinta-feira (29) foi comemorado o Dia Nacional do Livro. A data foi escolhida para homenagear o dia da fundação da Biblioteca Nacional do Brasil, no Rio de Janeiro, em 1810.

Segundo a CBL (Câmara Brasileira do Livro), o hábito da leitura está crescendo no Brasil. Tanto que em 2019 foram vendidos 434 milhões de livros, o que representa um aumento de 13% em relação ao ano anterior.

DICAS

Aplicativo de e-books, o Skeelo está com projeto para incentivar a leitura. E para isso, oferece diversos títulos gratuitos para ler no smartphone ou tablet. Entre eles estão obras infantis escritas por Monteiro Lobato, como Memórias da Emília, O Saci e Reinações de Narizinho.

Para quem usa o aparelho e leitura Kindle e tem conta na loja virtual Amazon, há várias obras que podem ser lidas de graça. Entre elas estão O Pequeno Livro de Hai-kais do Menino Maluquinho, do escritor Ziraldo, e O Relógio Que Perdeu a Hora, de Flávio Colombini. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Leitura abre asas para a imaginação

Hábito de ler deve ser incentivado na infância, pois estimula escrita, emoções e criatividade

Vinícius Castelli
Do Diário do Grande ABC

01/11/2020 | 07:00


Iniciar uma leitura é embarcar em uma nova viagem. Abre as portas e janelas para a imaginação, faz conhecer personagens e histórias maravilhosas. Para Elisangela dos Santos Meira, escritora e professora de língua portuguesa de Mauá, entre os benefícios da leitura ainda quando se é criança, estão o desenvolvimento da escrita e dos assuntos relacionados à linguagem de modo geral.

Além disso, ela cita a “beleza do descobrimento das emoções, do espaço que se abre para a criatividade e para a imaginação. A leitura aponta os primeiros caminhos para a resolução de questões do cotidiano da criança, como o brincar, o estudar e as questões internas do ser em formação”, diz.

A professora explica que o cérebro precisa ser estimulado, e quanto mais estímulos da leitura receber, terá muitas de suas habilidades desenvolvidas. “A criança que lê levará consigo os benefícios destas vivências para a vida adulta.”

Para a professora, a leitura pode fazer surgir o escritor, o ator, o jornalista, o astronauta, a bailarina, o professor. “É nisso que reside todo o fascínio da leitura. Você pode se tornar quem você quiser ser e sonhar.”

Na última quinta-feira (29) foi comemorado o Dia Nacional do Livro. A data foi escolhida para homenagear o dia da fundação da Biblioteca Nacional do Brasil, no Rio de Janeiro, em 1810.

Segundo a CBL (Câmara Brasileira do Livro), o hábito da leitura está crescendo no Brasil. Tanto que em 2019 foram vendidos 434 milhões de livros, o que representa um aumento de 13% em relação ao ano anterior.

DICAS

Aplicativo de e-books, o Skeelo está com projeto para incentivar a leitura. E para isso, oferece diversos títulos gratuitos para ler no smartphone ou tablet. Entre eles estão obras infantis escritas por Monteiro Lobato, como Memórias da Emília, O Saci e Reinações de Narizinho.

Para quem usa o aparelho e leitura Kindle e tem conta na loja virtual Amazon, há várias obras que podem ser lidas de graça. Entre elas estão O Pequeno Livro de Hai-kais do Menino Maluquinho, do escritor Ziraldo, e O Relógio Que Perdeu a Hora, de Flávio Colombini. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;