Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 25 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Condições meteorológicas e erro do piloto contribuíram para queda de avião que matou Gabriel Diniz, dono do hit Jenifer



30/10/2020 | 13:11


Em maio de 2019, Gabriel Diniz morreu aos 28 anos de idade após sofrer um acidente de avião. Sua morte pegou a todos de surpresa, já que o cantor estava começando a fazer muito sucesso após o lançamento do hit Jenifer. Agora, segundo informações do G1, foi revelado o motivo que fez com que o avião caísse.

De acordo com o relatório do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) da Força Aérea Brasileira (FAB), divulgado na última quinta-feira, dia 29, as condições meteorológicas adversas, além de uma atitude e indisciplina do piloto levaram à queda da aeronave.

No acidente, morreram Linaldo Xavier e Abrãao Faris, que eram os pilotos. No momento em que rolou a queda do avião, apenas Linaldo estava pilotando. Conforme dito no relatório, ele teria tomado atitudes consideradas erradas durante a operação da aeronave. O piloto não avaliou adequadamente os parâmetros para a operação do avião e decidiu prosseguir com o voo mesmo que as condições meteorológicas não fossem favoráveis.

O documento ainda aponta que a aeronave, fabricada em 1974, não possuía radar meteorológico e não era certificada para voar.

O piloto Linaldo tinha 83 horas e 50 minutos de experiência de voo e possuía licença de Piloto Privado - Avião (PPR) em curso feito no Aeroclube de Alagoas, em 2017, e estava com a habilitação de Avião Monomotor Terrestre (MNTE) válida. Porém, ele só estava qualificado para realizar voos que tivessem condições estritamente visuais.

A investigação entendeu que não considerar os procedimentos previstos para se manter em condições de voo visuais concorreu para a exposição da aeronave a elevado risco de acidente - o que levou à queda fatal.

Lembrando que o cantor morreu no dia 27 de maio caiu no Povoado Porto do Mato, no município de Estância, em Sergipe.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Condições meteorológicas e erro do piloto contribuíram para queda de avião que matou Gabriel Diniz, dono do hit Jenifer


30/10/2020 | 13:11


Em maio de 2019, Gabriel Diniz morreu aos 28 anos de idade após sofrer um acidente de avião. Sua morte pegou a todos de surpresa, já que o cantor estava começando a fazer muito sucesso após o lançamento do hit Jenifer. Agora, segundo informações do G1, foi revelado o motivo que fez com que o avião caísse.

De acordo com o relatório do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) da Força Aérea Brasileira (FAB), divulgado na última quinta-feira, dia 29, as condições meteorológicas adversas, além de uma atitude e indisciplina do piloto levaram à queda da aeronave.

No acidente, morreram Linaldo Xavier e Abrãao Faris, que eram os pilotos. No momento em que rolou a queda do avião, apenas Linaldo estava pilotando. Conforme dito no relatório, ele teria tomado atitudes consideradas erradas durante a operação da aeronave. O piloto não avaliou adequadamente os parâmetros para a operação do avião e decidiu prosseguir com o voo mesmo que as condições meteorológicas não fossem favoráveis.

O documento ainda aponta que a aeronave, fabricada em 1974, não possuía radar meteorológico e não era certificada para voar.

O piloto Linaldo tinha 83 horas e 50 minutos de experiência de voo e possuía licença de Piloto Privado - Avião (PPR) em curso feito no Aeroclube de Alagoas, em 2017, e estava com a habilitação de Avião Monomotor Terrestre (MNTE) válida. Porém, ele só estava qualificado para realizar voos que tivessem condições estritamente visuais.

A investigação entendeu que não considerar os procedimentos previstos para se manter em condições de voo visuais concorreu para a exposição da aeronave a elevado risco de acidente - o que levou à queda fatal.

Lembrando que o cantor morreu no dia 27 de maio caiu no Povoado Porto do Mato, no município de Estância, em Sergipe.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;