Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 30 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Sentimento do consumidor sobe a 81,8 pontos em outubro nos EUA



30/10/2020 | 11:44


O índice de sentimento do consumidor dos Estados Unidos, medido pela Universidade de Michigan, registrou alta de 1,4 ponto no levantamento final de outubro, indo de 80,4 pontos no mês passado para 81,8. O resultado superou as estimativas de analistas ouvidos pelo The Wall Street Journal, que projetavam o indicador em 81,2 pontos ao fim deste mês.

O índice das condições econômicas atuais caiu de 87,8 em setembro para 85,9 em outubro. O índice de expectativas do consumidor, por sua vez, foi de 75,6 no mês passado a 79,2 no último levantamento.

Em nota divulgada no site do departamento de pesquisas com consumidores da Universidade de Michigan, o economista-chefe do departamento, Richard Curtin, afirmou que o sentimento do consumidor nos EUA permaneceu inalterado desde a primeira quinzena de outubro (+0,6 ponto), e foi marginalmente diferente do valor do mês anterior.

Segundo Curtis, o medo da segunda onda de covid-19 nos EUA e a tensão causada pela disputa à presidência americana pesaram sobre o sentimento do consumidor neste mês.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sentimento do consumidor sobe a 81,8 pontos em outubro nos EUA


30/10/2020 | 11:44


O índice de sentimento do consumidor dos Estados Unidos, medido pela Universidade de Michigan, registrou alta de 1,4 ponto no levantamento final de outubro, indo de 80,4 pontos no mês passado para 81,8. O resultado superou as estimativas de analistas ouvidos pelo The Wall Street Journal, que projetavam o indicador em 81,2 pontos ao fim deste mês.

O índice das condições econômicas atuais caiu de 87,8 em setembro para 85,9 em outubro. O índice de expectativas do consumidor, por sua vez, foi de 75,6 no mês passado a 79,2 no último levantamento.

Em nota divulgada no site do departamento de pesquisas com consumidores da Universidade de Michigan, o economista-chefe do departamento, Richard Curtin, afirmou que o sentimento do consumidor nos EUA permaneceu inalterado desde a primeira quinzena de outubro (+0,6 ponto), e foi marginalmente diferente do valor do mês anterior.

Segundo Curtis, o medo da segunda onda de covid-19 nos EUA e a tensão causada pela disputa à presidência americana pesaram sobre o sentimento do consumidor neste mês.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;