Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 27 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Autonomia do BC é capítulo decisivo da história brasileira, diz Guedes



29/10/2020 | 13:06


O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quinta-feira, 29, que a aprovação do projeto de autonomia do Banco Central (BC), que aguarda votação pelo Senado, é um "capítulo decisivo da história brasileira". Em audiência da comissão mista do Congresso que fiscaliza a atuação do Poder Executivo no combate ao coronavírus, Guedes afirmou que a autonomia do BC é um "sonho" que ele cultiva há 40 anos, um formato para "despolitizar" e dar mais estabilidade a moeda.

Há uma previsão de que a proposta seja analisada pelo plenário do Senado no dia 3 de novembro. "Autonomia do BC é capítulo decisivo da história brasileira. Com inflação baixa, juros são baixos, investimentos privados acontecem, trabalhadores não perdem poder de compra, não precisa de correção salarial", disse Guedes. "Sonho de 40 anos de ter moeda estável a 10 dias de votação", continuou o ministro, que também ressaltou a necessidade de o Senado votar a nova Lei do Gás e o PL que atualiza as regras de recuperação judicial, ambos já aprovados pela Câmara.

Para o ministro, o Senado tem uma janela de oportunidade importante com esses projetos, que, para Guedes, não têm custo político.

"Autonomia do BC é decisão técnica para aperfeiçoamento institucional. BC autônomo não pode ser manipulado pelo ministro da Fazenda", disse Guedes, segundo quem governos passados usaram instrumentos monetários de forma inadequada para tentarem a reeleição. "Confio que o Senado vai fazer essa entrega", comentou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Autonomia do BC é capítulo decisivo da história brasileira, diz Guedes


29/10/2020 | 13:06


O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quinta-feira, 29, que a aprovação do projeto de autonomia do Banco Central (BC), que aguarda votação pelo Senado, é um "capítulo decisivo da história brasileira". Em audiência da comissão mista do Congresso que fiscaliza a atuação do Poder Executivo no combate ao coronavírus, Guedes afirmou que a autonomia do BC é um "sonho" que ele cultiva há 40 anos, um formato para "despolitizar" e dar mais estabilidade a moeda.

Há uma previsão de que a proposta seja analisada pelo plenário do Senado no dia 3 de novembro. "Autonomia do BC é capítulo decisivo da história brasileira. Com inflação baixa, juros são baixos, investimentos privados acontecem, trabalhadores não perdem poder de compra, não precisa de correção salarial", disse Guedes. "Sonho de 40 anos de ter moeda estável a 10 dias de votação", continuou o ministro, que também ressaltou a necessidade de o Senado votar a nova Lei do Gás e o PL que atualiza as regras de recuperação judicial, ambos já aprovados pela Câmara.

Para o ministro, o Senado tem uma janela de oportunidade importante com esses projetos, que, para Guedes, não têm custo político.

"Autonomia do BC é decisão técnica para aperfeiçoamento institucional. BC autônomo não pode ser manipulado pelo ministro da Fazenda", disse Guedes, segundo quem governos passados usaram instrumentos monetários de forma inadequada para tentarem a reeleição. "Confio que o Senado vai fazer essa entrega", comentou.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;