Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 25 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Bottas supera Hamilton por 26 milésimos e lidera 3º treino livre em Portugal

Reprodução/Instragram Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


24/10/2020 | 08:34


Em uma atividade sem surpresas, diferentemente do que aconteceu na sexta-feira, Valtteri Bottas voltou a ser dominante neste sábado e foi o mais rápido do terceiro treino livre do GP de Portugal, no circuito do Algarve, em Portimão. A vantagem para o seu companheiro de Mercedes, Lewis Hamilton, foi pequena, mas ele manteve a consistência.

O finlandês anotou 1min16s654, 0s026 mais rápido do que o britânico, que terminou a sessão em segundo, e busca em Portugal ultrapassar o recorde de 91 vitórias de Michael Schumacher e se tornar o piloto com mais triunfos na história da Fórmula 1. O holandês Max Verstappen, da Red Bull, terminou em terceiro, com o tempo de 1min16s812, 0s158 mais lento que o líder.

Ao contrário do que ocorreu na sexta, quando um incêndio na AlphaTauri do francês Pierre Gasly paralisou o treino, vários pilotos rodaram e Stroll e Verstappen bateram, dessa vez a sessão foi mais tranquila, sem grandes incidentes.

Gasly, sem passar por novos sustos, teve bom desempenho e ficou em quarto (1min16s930), à frente do tailandês Alexander Albon, da Red Bull (1min17s117). A melhor Ferrari foi a do monegasco Charles Leclerc, que fechou a atividade com o sexto melhor tempo (1min17s229). Ele ainda chegou a rodar, mas seu carro não teve nenhum dano e conseguiu voltar à pista sem problemas.

Hamilton também passou por um pequeno incidente, que não o atrapalhou. Ele acabou se embolando na caixa de brita após uma escapada, mas como Leclerc, o hexacampeão mundial retornou à pista no circuito do Algarve sem complicações.

A McLaren colocou o espanhol Carlos Sainz Jr em sétimo e o britânico Lando Norris em nono. Entre eles apareceu o mexicano Sergio Pérez, com a Racing Point. O francês Esteban Ocon, da Renaul, fechou o grupo dos dez primeiros colocados.

Os pilotos voltam à pista às 10h (horário de Brasília) deste sábado para a sessão que define o grid de largada do GP de Portugal. A largada da corrida está prevista para as 10h10, no domingo.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Bottas supera Hamilton por 26 milésimos e lidera 3º treino livre em Portugal


24/10/2020 | 08:34


Em uma atividade sem surpresas, diferentemente do que aconteceu na sexta-feira, Valtteri Bottas voltou a ser dominante neste sábado e foi o mais rápido do terceiro treino livre do GP de Portugal, no circuito do Algarve, em Portimão. A vantagem para o seu companheiro de Mercedes, Lewis Hamilton, foi pequena, mas ele manteve a consistência.

O finlandês anotou 1min16s654, 0s026 mais rápido do que o britânico, que terminou a sessão em segundo, e busca em Portugal ultrapassar o recorde de 91 vitórias de Michael Schumacher e se tornar o piloto com mais triunfos na história da Fórmula 1. O holandês Max Verstappen, da Red Bull, terminou em terceiro, com o tempo de 1min16s812, 0s158 mais lento que o líder.

Ao contrário do que ocorreu na sexta, quando um incêndio na AlphaTauri do francês Pierre Gasly paralisou o treino, vários pilotos rodaram e Stroll e Verstappen bateram, dessa vez a sessão foi mais tranquila, sem grandes incidentes.

Gasly, sem passar por novos sustos, teve bom desempenho e ficou em quarto (1min16s930), à frente do tailandês Alexander Albon, da Red Bull (1min17s117). A melhor Ferrari foi a do monegasco Charles Leclerc, que fechou a atividade com o sexto melhor tempo (1min17s229). Ele ainda chegou a rodar, mas seu carro não teve nenhum dano e conseguiu voltar à pista sem problemas.

Hamilton também passou por um pequeno incidente, que não o atrapalhou. Ele acabou se embolando na caixa de brita após uma escapada, mas como Leclerc, o hexacampeão mundial retornou à pista no circuito do Algarve sem complicações.

A McLaren colocou o espanhol Carlos Sainz Jr em sétimo e o britânico Lando Norris em nono. Entre eles apareceu o mexicano Sergio Pérez, com a Racing Point. O francês Esteban Ocon, da Renaul, fechou o grupo dos dez primeiros colocados.

Os pilotos voltam à pista às 10h (horário de Brasília) deste sábado para a sessão que define o grid de largada do GP de Portugal. A largada da corrida está prevista para as 10h10, no domingo.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;