Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 25 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Real Madrid leva 3 do Shakhtar Donetsk no 1º tempo e perde na Liga dos Campeões



21/10/2020 | 15:59


Em jogo com festival de brasileiros em campo, o Real Madrid protagonizou a primeira "zebra" desta edição da Liga dos Campeões. O recordista de títulos da competição, com 13 troféus, levou três gols do Shakhtar Donetsk no primeiro tempo e foi batido por 3 a 2, nesta quarta-feira, no Estádio Alfredo Di Stéfano - o Santiago Bernabéu está em reforma.

Com o resultado, o time ucraniano despontou na liderança do Grupo B, com três pontos. Pela mesma chave, Inter de Milão e Borussia Mönchengladbach se enfrentam ainda nesta quarta. Na próxima rodada, na terça que vem, o Real visitará o adversário alemão, enquanto os italianos vão duelar com os ucranianos.

Em busca de recuperação na Liga dos Campeões, após cair nas oitavas de final nas duas últimas edições, o Real agora espera recuperar fora de casa os pontos que perdeu como mandante. Antes disso, porém, terá uma outra dura missão pela frente. No sábado, vai fazer o clássico com o Barcelona, no Camp Nou, em rodada do Campeonato Espanhol.

Nesta quarta, a partida no Alfredo Di Stéfano contou com a presença de um time inteiro de brasileiros. Foram 11 jogadores em campo, seis deles do Shakhtar. Do lado do Real, foram titulares Éder Militão, Casemiro, Rodrygo e Marcelo, um dos alvos recentes da torcida merengue. No segundo tempo, Vinicius Junior foi para o jogo. Sergio Ramos foi baixa, por lesão.

O técnico Zinedine Zidane arriscou e deu chances a alguns reservas, como Jovic e o próprio Rodrygo. E o Real acabou sendo surpreendido pelo time ucraniano no primeiro tempo. Jogando solto desde o apito inicial, o Shakhtar não se intimidou e foi para cima. Acabou abrindo o placar aos 29 minutos, em bela jogada do ataque que culminou na finalização do brasileiro Tetê.

A equipe ucraniana cresceu ainda mais no jogo quatro minutos depois, quando Dentinho dividiu com Varane na pequena área e o zagueiro francês acabou mandando contra as próprias redes. Para piorar a situação do Real, Solomon anotou o terceiro do Shakhtar aos 41, após boa jogada de Tetê sobre Marcelo.

Depois do susto, o Real voltou para o segundo tempo com Benzema no lugar de Rodrygo. Vinicius Junior e Kroos recuperaram suas posições em seguida. E a situação se amenizou. Aos 8, Modric arriscou de longe e mandou no ângulo, descontando o placar.

Cinco minutos depois, poucos segundos após entrar em campo, Vinicius passou por três marcadores, entrou na área até com facilidade e bateu rasteiro, no canto direito do goleiro Anatolii Trubin: 3 a 2.

O segundo gol manteve o ânimo dos anfitriões, que se mantiveram no ataque, embora sem maior poder de fogo. A defesa ucraniana conseguia neutralizar as investidas com certa tranquilidade.

Nos acréscimos, o Real conseguiu balançar as redes pela terceira vez. Aos 46, Valverde bateu rasteiro de fora da área. A bola desviou no meio do caminho e o goleiro ucraniano falhou no lance. Mas a arbitragem anulou o gol de empate porque Vinicius Junior estava em posição de impedimento exatamente na trajetória da bola e logo à frente do goleiro, atrapalhando sua visão da jogada.

EMPATE NA ÁUSTRIA - Pelo Grupo A, Salzburg e Lokomotiv Moscou empataram por 2 a 2, nesta quarta. O português Éder e Vitali Lisakovich anotaram para os visitantes, enquanto Dominik Szoboszlai e Zlatko Junuzovic marcaram os gols dos austríacos. Pela mesma chave, Bayern de Munique e Atlético de Madrid se enfrentam na Alemanha ainda nesta quarta.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Real Madrid leva 3 do Shakhtar Donetsk no 1º tempo e perde na Liga dos Campeões


21/10/2020 | 15:59


Em jogo com festival de brasileiros em campo, o Real Madrid protagonizou a primeira "zebra" desta edição da Liga dos Campeões. O recordista de títulos da competição, com 13 troféus, levou três gols do Shakhtar Donetsk no primeiro tempo e foi batido por 3 a 2, nesta quarta-feira, no Estádio Alfredo Di Stéfano - o Santiago Bernabéu está em reforma.

Com o resultado, o time ucraniano despontou na liderança do Grupo B, com três pontos. Pela mesma chave, Inter de Milão e Borussia Mönchengladbach se enfrentam ainda nesta quarta. Na próxima rodada, na terça que vem, o Real visitará o adversário alemão, enquanto os italianos vão duelar com os ucranianos.

Em busca de recuperação na Liga dos Campeões, após cair nas oitavas de final nas duas últimas edições, o Real agora espera recuperar fora de casa os pontos que perdeu como mandante. Antes disso, porém, terá uma outra dura missão pela frente. No sábado, vai fazer o clássico com o Barcelona, no Camp Nou, em rodada do Campeonato Espanhol.

Nesta quarta, a partida no Alfredo Di Stéfano contou com a presença de um time inteiro de brasileiros. Foram 11 jogadores em campo, seis deles do Shakhtar. Do lado do Real, foram titulares Éder Militão, Casemiro, Rodrygo e Marcelo, um dos alvos recentes da torcida merengue. No segundo tempo, Vinicius Junior foi para o jogo. Sergio Ramos foi baixa, por lesão.

O técnico Zinedine Zidane arriscou e deu chances a alguns reservas, como Jovic e o próprio Rodrygo. E o Real acabou sendo surpreendido pelo time ucraniano no primeiro tempo. Jogando solto desde o apito inicial, o Shakhtar não se intimidou e foi para cima. Acabou abrindo o placar aos 29 minutos, em bela jogada do ataque que culminou na finalização do brasileiro Tetê.

A equipe ucraniana cresceu ainda mais no jogo quatro minutos depois, quando Dentinho dividiu com Varane na pequena área e o zagueiro francês acabou mandando contra as próprias redes. Para piorar a situação do Real, Solomon anotou o terceiro do Shakhtar aos 41, após boa jogada de Tetê sobre Marcelo.

Depois do susto, o Real voltou para o segundo tempo com Benzema no lugar de Rodrygo. Vinicius Junior e Kroos recuperaram suas posições em seguida. E a situação se amenizou. Aos 8, Modric arriscou de longe e mandou no ângulo, descontando o placar.

Cinco minutos depois, poucos segundos após entrar em campo, Vinicius passou por três marcadores, entrou na área até com facilidade e bateu rasteiro, no canto direito do goleiro Anatolii Trubin: 3 a 2.

O segundo gol manteve o ânimo dos anfitriões, que se mantiveram no ataque, embora sem maior poder de fogo. A defesa ucraniana conseguia neutralizar as investidas com certa tranquilidade.

Nos acréscimos, o Real conseguiu balançar as redes pela terceira vez. Aos 46, Valverde bateu rasteiro de fora da área. A bola desviou no meio do caminho e o goleiro ucraniano falhou no lance. Mas a arbitragem anulou o gol de empate porque Vinicius Junior estava em posição de impedimento exatamente na trajetória da bola e logo à frente do goleiro, atrapalhando sua visão da jogada.

EMPATE NA ÁUSTRIA - Pelo Grupo A, Salzburg e Lokomotiv Moscou empataram por 2 a 2, nesta quarta. O português Éder e Vitali Lisakovich anotaram para os visitantes, enquanto Dominik Szoboszlai e Zlatko Junuzovic marcaram os gols dos austríacos. Pela mesma chave, Bayern de Munique e Atlético de Madrid se enfrentam na Alemanha ainda nesta quarta.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;