Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 2 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Ocupação de UTI segue com tendência de queda na região

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Mauá tem maior taxa, 62,7% e demais cidades não passam de 49%; são 69.863 casos no total


Flavia Kurotori
Do Diário do Grande ABC

19/10/2020 | 20:47


A ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) destinados ao tratamento das vítimas do coronavírus segue com tendência de queda no Grande ABC. Em abril, a taxa chegou a atingir 70% e, em agosto, 63%. Dados das prefeituras indicam que três cidades tiveram queda nos últimos dois meses – de 50% para 39,9% em Santo André, de 44% para 28% em São Bernardo e de 63% para 62,7% em Mauá. Em Diadema, o percentual se manteve o mesmo, 49%. Em São Caetano, o índice foi de 20% para 34%. Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra não dispõem de leitos de UTI.

A redução está em sinergia com as mortes registradas semanalmente. A semana encerrada sábado, quando 33 óbitos foram confirmados, média de cinco por dia, foi a terceira seguida de redução nos falecimentos. Entre os dias 16 e 22 de agosto, quando o Diário noticiou que a ocupação dos leitos começou a cair, foram confirmadas 96 vítimas fatais, cerca de 14 por dia.

ATUALIZAÇÃO

A região totaliza 69.863 casos e 2.676 mortes de Covid. São 29.962 confirmações e 953 óbitos em São Bernardo, 19.213 casos e 616 falecimentos em Santo André, 9.126 positivos e 457 vítimas fatais em Diadema, 5.798 diagnósticos e 320 óbitos em Mauá, 3.952 contaminações e 220 baixas em São Caetano, 1.205 infectados e 85 mortes em Ribeirão Pires e 607 positivos e 25 perdas. Ao todo, são 57.706 curados.

O Estado de São Paulo soma 1.064.039 confirmações e 38.035 óbitos causados pelo coronavírus. São 953.690 recuperados.

No Brasil, são 5.250.727 casos confirmados, dos quais 154.176 faleceram, 4.681.659 foram recuperados e 414.892 estão em acompanhamento.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ocupação de UTI segue com tendência de queda na região

Mauá tem maior taxa, 62,7% e demais cidades não passam de 49%; são 69.863 casos no total

Flavia Kurotori
Do Diário do Grande ABC

19/10/2020 | 20:47


A ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) destinados ao tratamento das vítimas do coronavírus segue com tendência de queda no Grande ABC. Em abril, a taxa chegou a atingir 70% e, em agosto, 63%. Dados das prefeituras indicam que três cidades tiveram queda nos últimos dois meses – de 50% para 39,9% em Santo André, de 44% para 28% em São Bernardo e de 63% para 62,7% em Mauá. Em Diadema, o percentual se manteve o mesmo, 49%. Em São Caetano, o índice foi de 20% para 34%. Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra não dispõem de leitos de UTI.

A redução está em sinergia com as mortes registradas semanalmente. A semana encerrada sábado, quando 33 óbitos foram confirmados, média de cinco por dia, foi a terceira seguida de redução nos falecimentos. Entre os dias 16 e 22 de agosto, quando o Diário noticiou que a ocupação dos leitos começou a cair, foram confirmadas 96 vítimas fatais, cerca de 14 por dia.

ATUALIZAÇÃO

A região totaliza 69.863 casos e 2.676 mortes de Covid. São 29.962 confirmações e 953 óbitos em São Bernardo, 19.213 casos e 616 falecimentos em Santo André, 9.126 positivos e 457 vítimas fatais em Diadema, 5.798 diagnósticos e 320 óbitos em Mauá, 3.952 contaminações e 220 baixas em São Caetano, 1.205 infectados e 85 mortes em Ribeirão Pires e 607 positivos e 25 perdas. Ao todo, são 57.706 curados.

O Estado de São Paulo soma 1.064.039 confirmações e 38.035 óbitos causados pelo coronavírus. São 953.690 recuperados.

No Brasil, são 5.250.727 casos confirmados, dos quais 154.176 faleceram, 4.681.659 foram recuperados e 414.892 estão em acompanhamento.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;