Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 27 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Palmeiras vai até o Equador para tentar a contratação de Miguel Ángel Ramírez



19/10/2020 | 12:59


O técnico Miguel Ángel Ramírez é o preferido da diretoria do Palmeiras para assumir o cargo que está vago desde a saída na semana passada de Vanderlei Luxemburgo. Para isso, o diretor de futebol Anderson Barros e o vice Paulo Buosi estão no Equador, onde vão negociar com o Independiente Del Valle, atual equipe do treinador, cujo contrato vai até dezembro de 2021.

Antes de embarcarem para Quito, a diretoria palmeirense enviou para o clube equatoriano um documento oficializando o interesse pelos trabalhos de Ramírez. O encontro entre os dirigentes alviverdes

e o técnico deve ocorrer nos próximos dias.

"Tenho contrato com o clube (Independiente Del Valle). Quem quiser meus serviços deve falar com a diretoria, mas é muito complexo, muito complexo", disse Ramírez, sábado, antes do jogo pelo Campeonato Equatoriano, diante da LDU.

Segundo informações da imprensa equatoriana, Ramírez não aprova as constantes trocas de treinadores feitas no Brasil e só aceitaria uma negociação para 2021, caso o planejamento fosse para um trabalho longo.

Aos 35 anos, Ramírez chegou a ser cogitado para herdar a vaga de Jorge Jesus no Flamengo, mas sua posição no Independiente Del Valle é privilegiada. Seu salário é em dólar e o clube vive ótima situação financeira, dirigido pelo empresário Michel Deller.

Pelo Independiente Del Vale, Ramírez ganhou a Copa Sul-Americana no ano passado, além de boas participações pela Copa Libertadores.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Palmeiras vai até o Equador para tentar a contratação de Miguel Ángel Ramírez


19/10/2020 | 12:59


O técnico Miguel Ángel Ramírez é o preferido da diretoria do Palmeiras para assumir o cargo que está vago desde a saída na semana passada de Vanderlei Luxemburgo. Para isso, o diretor de futebol Anderson Barros e o vice Paulo Buosi estão no Equador, onde vão negociar com o Independiente Del Valle, atual equipe do treinador, cujo contrato vai até dezembro de 2021.

Antes de embarcarem para Quito, a diretoria palmeirense enviou para o clube equatoriano um documento oficializando o interesse pelos trabalhos de Ramírez. O encontro entre os dirigentes alviverdes

e o técnico deve ocorrer nos próximos dias.

"Tenho contrato com o clube (Independiente Del Valle). Quem quiser meus serviços deve falar com a diretoria, mas é muito complexo, muito complexo", disse Ramírez, sábado, antes do jogo pelo Campeonato Equatoriano, diante da LDU.

Segundo informações da imprensa equatoriana, Ramírez não aprova as constantes trocas de treinadores feitas no Brasil e só aceitaria uma negociação para 2021, caso o planejamento fosse para um trabalho longo.

Aos 35 anos, Ramírez chegou a ser cogitado para herdar a vaga de Jorge Jesus no Flamengo, mas sua posição no Independiente Del Valle é privilegiada. Seu salário é em dólar e o clube vive ótima situação financeira, dirigido pelo empresário Michel Deller.

Pelo Independiente Del Vale, Ramírez ganhou a Copa Sul-Americana no ano passado, além de boas participações pela Copa Libertadores.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;