Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 27 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Com a cabeça na Série A-2, Azulão visita o São Luiz

DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Alexandre Gallo leva equipe alternativa para segundo compromisso na Série D do Brasileiro, às 17h, em Ijuí


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

26/09/2020 | 00:01


O São Caetano tem pela frente hoje seu segundo compromisso pelo Brasileiro da Série D. Mas não é porque está entrando em campo por uma competição diferente da qual o foco está empenhado, caso da Série A-2 do Paulista, na qual disputa as semifinais e está a um passo do acesso de volta para a elite, que o Azulão estará enfraquecido. Apesar de o técnico Alexandre Gallo ter deixado os titulares no Grande ABC, aqueles que viajaram para Ijuí-RS, para enfrentar o São Luiz, às 17h, no Estádio 19 de Outubro, prometem dar conta do recado.

Na estreia, contra o Caxias-RS, derrota em casa, por 1 a 0. Agora, mesmo com equipe alternativa, a ideia é diminuir o prejuízo do jogo anterior. “Nosso time vem um pouco desconfigurado por alguns atletas estarem no Paulista. É muito importante para o clube voltar para a elite estadual. Como não posso jogar, até por ter sido eliminado por eles, então consigo dar continuidade na Série D. Temos grupo grande e acredito muito que podemos buscar os três pontos”, disse o recém-chegado zagueiro Matheus Santos, que participou da partida da semana passada e deve aparecer novamente como titular azulino.

O defensor disputou a Série A-2 pelo Monte Azul, sendo justamente eliminado nas quartas de final pelo São Caetano. Quando as equipes se enfrentaram no mata-mata, Matheus Santos inclusive já tinha futuro encaminhado com o Azulão. “Já tinha pré-contrato desde março, então foi realmente desafio grande para mostrar capacidade, trabalho e para eles terem a certeza sobre minha contratação, de ser atleta que pode ajudar muito o São Caetano”, afirmou ele, que continuou. “O que me fez aceitar a proposta foi por ser clube de tradição, história gigante, então não podia negar este convite. Depois que assinei o pré-contrato apareceram outras coisas, até na Série C, mas optei pelo peso dessa camisa e estou muito contente aqui. Espero ser muito feliz, dar continuidade e deixar meu nome na história do clube.”

Sobre a partida passada, Matheus Santos apontou erros e acertos do Azulão. “ Soubemos suportar a pressão do Caxias, vice-campeão gaúcho, cascudo. Nos impusemos, fizemos bom jogo, não concluímos nossas chances em gol e perdemos em um gol contra. Então deu para tirar pontos positivos”, observou. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Com a cabeça na Série A-2, Azulão visita o São Luiz

Alexandre Gallo leva equipe alternativa para segundo compromisso na Série D do Brasileiro, às 17h, em Ijuí

Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

26/09/2020 | 00:01


O São Caetano tem pela frente hoje seu segundo compromisso pelo Brasileiro da Série D. Mas não é porque está entrando em campo por uma competição diferente da qual o foco está empenhado, caso da Série A-2 do Paulista, na qual disputa as semifinais e está a um passo do acesso de volta para a elite, que o Azulão estará enfraquecido. Apesar de o técnico Alexandre Gallo ter deixado os titulares no Grande ABC, aqueles que viajaram para Ijuí-RS, para enfrentar o São Luiz, às 17h, no Estádio 19 de Outubro, prometem dar conta do recado.

Na estreia, contra o Caxias-RS, derrota em casa, por 1 a 0. Agora, mesmo com equipe alternativa, a ideia é diminuir o prejuízo do jogo anterior. “Nosso time vem um pouco desconfigurado por alguns atletas estarem no Paulista. É muito importante para o clube voltar para a elite estadual. Como não posso jogar, até por ter sido eliminado por eles, então consigo dar continuidade na Série D. Temos grupo grande e acredito muito que podemos buscar os três pontos”, disse o recém-chegado zagueiro Matheus Santos, que participou da partida da semana passada e deve aparecer novamente como titular azulino.

O defensor disputou a Série A-2 pelo Monte Azul, sendo justamente eliminado nas quartas de final pelo São Caetano. Quando as equipes se enfrentaram no mata-mata, Matheus Santos inclusive já tinha futuro encaminhado com o Azulão. “Já tinha pré-contrato desde março, então foi realmente desafio grande para mostrar capacidade, trabalho e para eles terem a certeza sobre minha contratação, de ser atleta que pode ajudar muito o São Caetano”, afirmou ele, que continuou. “O que me fez aceitar a proposta foi por ser clube de tradição, história gigante, então não podia negar este convite. Depois que assinei o pré-contrato apareceram outras coisas, até na Série C, mas optei pelo peso dessa camisa e estou muito contente aqui. Espero ser muito feliz, dar continuidade e deixar meu nome na história do clube.”

Sobre a partida passada, Matheus Santos apontou erros e acertos do Azulão. “ Soubemos suportar a pressão do Caxias, vice-campeão gaúcho, cascudo. Nos impusemos, fizemos bom jogo, não concluímos nossas chances em gol e perdemos em um gol contra. Então deu para tirar pontos positivos”, observou. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;