Fechar
Publicidade

Sábado, 24 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

PF prende quatro prefeitos de RO e apreende R$ 5 milhões em dinheiro e joias



25/09/2020 | 15:34


A Polícia Federal e a Procuradoria-Geral de Justiça de Rondônia deflagraram nesta sexta, 25, a Operação Reciclagem para prender preventivamente quatro prefeitos e um ex-deputado por supostos crimes contra a Administração Pública. Segundo a corporação, os políticos foram filmados recebendo 'centenas de milhares de reais sendo distribuídos em dinheiro vivo'.

Somente na casa do prefeito de Rolim de Moura, Luiz Ademir Schock, foram apreendidos cerca de R$ 5 milhões em dinheiro em espécie e bens, como joias.

Os demais alvos da Reciclagem são Marcito Aparecido Pinto (Ji-Paraná), Glaucione Rodrigues (Cacoal), Gislaine Clemente (São Francisco do Guaporé) e Daniel Neri (ex-deputado). R$ 5 milhões.

Segundo a Polícia Federal, a investigação teve início em dezembro de 2019 e contou a colaboração de empresário que, recebendo exigência para recebimento de dívidas pela prestação de serviços ao poder público, resolveu contatar as autoridades para denunciar os ilícitos.

Os mandados de prisão preventiva foram expedidos pelo Tribunal de Justiça de Rondônia, que ainda determinou o afastamento dos gestores de suas funções públicas. Além disso, foi decretado o bloqueio de mais de R$ 1,5 milhões dos investigados.

Cerca de 70 agentes cumpriram ainda 12 de mandados de busca e apreensão em Ji-Paraná, Cacoal, Rolim de Moura e São Francisco do Guaporé.

De acordo com a PF, o nome da operação, 'reciclagem', faz referência ao ramo de atividades da empresa envolvida no caso e origem dos recursos ilícitos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

PF prende quatro prefeitos de RO e apreende R$ 5 milhões em dinheiro e joias


25/09/2020 | 15:34


A Polícia Federal e a Procuradoria-Geral de Justiça de Rondônia deflagraram nesta sexta, 25, a Operação Reciclagem para prender preventivamente quatro prefeitos e um ex-deputado por supostos crimes contra a Administração Pública. Segundo a corporação, os políticos foram filmados recebendo 'centenas de milhares de reais sendo distribuídos em dinheiro vivo'.

Somente na casa do prefeito de Rolim de Moura, Luiz Ademir Schock, foram apreendidos cerca de R$ 5 milhões em dinheiro em espécie e bens, como joias.

Os demais alvos da Reciclagem são Marcito Aparecido Pinto (Ji-Paraná), Glaucione Rodrigues (Cacoal), Gislaine Clemente (São Francisco do Guaporé) e Daniel Neri (ex-deputado). R$ 5 milhões.

Segundo a Polícia Federal, a investigação teve início em dezembro de 2019 e contou a colaboração de empresário que, recebendo exigência para recebimento de dívidas pela prestação de serviços ao poder público, resolveu contatar as autoridades para denunciar os ilícitos.

Os mandados de prisão preventiva foram expedidos pelo Tribunal de Justiça de Rondônia, que ainda determinou o afastamento dos gestores de suas funções públicas. Além disso, foi decretado o bloqueio de mais de R$ 1,5 milhões dos investigados.

Cerca de 70 agentes cumpriram ainda 12 de mandados de busca e apreensão em Ji-Paraná, Cacoal, Rolim de Moura e São Francisco do Guaporé.

De acordo com a PF, o nome da operação, 'reciclagem', faz referência ao ramo de atividades da empresa envolvida no caso e origem dos recursos ilícitos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;