Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 10 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

França: PIB tem crescimento zero no 1º trimestre



15/05/2012 | 03:56


A economia francesa não conseguiu crescer nos três primeiros meses de 2012, mostram dados divulgados hoje pela Agência Nacional de Estatísticas (Insee). Isso acrescenta pressão sobre o socialista François Hollande, que prometeu alavancar o crescimento com políticas suaves em contraponto à austeridade econômica pregada pela Alemanha, poucas horas antes de ele tomar posse como novo presidente da França.

 

O Produto Interno Bruto (PIB) da segunda maior economia da zona do euro manteve-se inalterado em comparação com o quarto trimestre de 2011, em linha com a previsão dos economistas consultados pela Dow Jones. O Insee também revisou o PIB do quarto trimestre do ano passado para um crescimento de 0,1%, ante a leitura anterior de 0,2%.

 

Os gastos dos consumidores - que respondem por mais da metade do PIB francês - não aceleraram significativamente, registrando apenas 0,2% de crescimento no primeiro trimestre, no comparativo trimestre sobre trimestre, após um aumento de 0,1% nos últimos três meses de 2011.

 

Já o investimento caiu 0,8% no primeiro trimestre. A balança comercial deu uma contribuição negativa para o PIB, à medida que as importações aumentaram e houve desaceleração nas exportações. As informações são da Dow Jones.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

França: PIB tem crescimento zero no 1º trimestre


15/05/2012 | 03:56


A economia francesa não conseguiu crescer nos três primeiros meses de 2012, mostram dados divulgados hoje pela Agência Nacional de Estatísticas (Insee). Isso acrescenta pressão sobre o socialista François Hollande, que prometeu alavancar o crescimento com políticas suaves em contraponto à austeridade econômica pregada pela Alemanha, poucas horas antes de ele tomar posse como novo presidente da França.

 

O Produto Interno Bruto (PIB) da segunda maior economia da zona do euro manteve-se inalterado em comparação com o quarto trimestre de 2011, em linha com a previsão dos economistas consultados pela Dow Jones. O Insee também revisou o PIB do quarto trimestre do ano passado para um crescimento de 0,1%, ante a leitura anterior de 0,2%.

 

Os gastos dos consumidores - que respondem por mais da metade do PIB francês - não aceleraram significativamente, registrando apenas 0,2% de crescimento no primeiro trimestre, no comparativo trimestre sobre trimestre, após um aumento de 0,1% nos últimos três meses de 2011.

 

Já o investimento caiu 0,8% no primeiro trimestre. A balança comercial deu uma contribuição negativa para o PIB, à medida que as importações aumentaram e houve desaceleração nas exportações. As informações são da Dow Jones.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;