Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 21 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Liga suspende Di Maria e diz que analisará caso Neymar e González no dia 30



23/09/2020 | 20:56


A comissão disciplinar da Liga Profissional da França (LFP) anunciou nesta quarta-feira que o caso de suposta ofensa racista a Neymar será julgado pelo órgão no dia 30 deste mês. Na mesma sessão desta quarta, a comissão suspendeu Angel Di Maria por quatro jogos no Paris Saint-Germain, no Campeonato Francês.

Ambos os casos têm relação com a confusão ocorrida durante a derrota do PSG para o Olympique de Marselha, por 1 a 0, em rodada do Francês, no dia 13. Foram 17 cartões distribuídos pela arbitragem ao longo da partida, sendo cinco vermelhos. Di Maria não chegou a sofrer a exclusão.

Mas foi julgado e suspenso por quatro jogos, embora a comissão disciplinar não tenha apresentado as causas da punição. Ao fim da partida do dia 13, o meia-atacante argentino foi acusado pelo técnico André Villas-Boas, do Olympique, de ter cuspido em um dos seus jogadores.

O jogo, contudo, ficou marcado pelas acusações de Neymar de racismo contra o zagueiro espanhol Álvaro González, do time de Marselha. De acordo com a comissão, a acusação de racismo será julgada no dia 30. O brasileiro já foi suspenso por dois jogos por ter dado um tapa no espanhol. González nega ter feito declarações de cunho racista.

Horas depois da partida e da acusação, o atacante do PSG escreveu nas redes sociais: "Único arrependimento que tenho é por não ter dado na cara desse babaca".



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Liga suspende Di Maria e diz que analisará caso Neymar e González no dia 30


23/09/2020 | 20:56


A comissão disciplinar da Liga Profissional da França (LFP) anunciou nesta quarta-feira que o caso de suposta ofensa racista a Neymar será julgado pelo órgão no dia 30 deste mês. Na mesma sessão desta quarta, a comissão suspendeu Angel Di Maria por quatro jogos no Paris Saint-Germain, no Campeonato Francês.

Ambos os casos têm relação com a confusão ocorrida durante a derrota do PSG para o Olympique de Marselha, por 1 a 0, em rodada do Francês, no dia 13. Foram 17 cartões distribuídos pela arbitragem ao longo da partida, sendo cinco vermelhos. Di Maria não chegou a sofrer a exclusão.

Mas foi julgado e suspenso por quatro jogos, embora a comissão disciplinar não tenha apresentado as causas da punição. Ao fim da partida do dia 13, o meia-atacante argentino foi acusado pelo técnico André Villas-Boas, do Olympique, de ter cuspido em um dos seus jogadores.

O jogo, contudo, ficou marcado pelas acusações de Neymar de racismo contra o zagueiro espanhol Álvaro González, do time de Marselha. De acordo com a comissão, a acusação de racismo será julgada no dia 30. O brasileiro já foi suspenso por dois jogos por ter dado um tapa no espanhol. González nega ter feito declarações de cunho racista.

Horas depois da partida e da acusação, o atacante do PSG escreveu nas redes sociais: "Único arrependimento que tenho é por não ter dado na cara desse babaca".

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;