Fechar
Publicidade

Domingo, 25 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Chris Rock descobre transtorno de aprendizagem aos 55 anos de idade



21/09/2020 | 16:11


Chris Rock se abriu sobre uma condição que descobriu apenas aos 55 anos de idade: o ator e comediante foi diagnosticado com transtorno de aprendizagem não-verbal.

À revista Hollywood Reporter, ele contou que tem dificuldade em entender sinais em conversas:

Eu entendo só as palavras [os sinais não-verbais não]. A propósito, isso é ótimo para escrever piadas - mas nem tanto para relacionamentos. E sempre atribui isso a ser famoso. Sempre que alguém me respondia de maneira negativa, eu pensava: Que seja, eles estão respondendo a algo que tem a ver com o que acham que sou. Agora, sou capaz de perceber que muito disso era eu.

Ele contou que, agora, faz sete horas de terapia por semana.

E, falando sobre algumas situações sobre as quais fez piada em Todo Mundo Odeia o Chris, ele revelou que nunca tinha realmente lidado com seus traumas de infância:

A realidade é que a dor e o medo que isso me trouxe, eu experienciava todo dia...



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Chris Rock descobre transtorno de aprendizagem aos 55 anos de idade


21/09/2020 | 16:11


Chris Rock se abriu sobre uma condição que descobriu apenas aos 55 anos de idade: o ator e comediante foi diagnosticado com transtorno de aprendizagem não-verbal.

À revista Hollywood Reporter, ele contou que tem dificuldade em entender sinais em conversas:

Eu entendo só as palavras [os sinais não-verbais não]. A propósito, isso é ótimo para escrever piadas - mas nem tanto para relacionamentos. E sempre atribui isso a ser famoso. Sempre que alguém me respondia de maneira negativa, eu pensava: Que seja, eles estão respondendo a algo que tem a ver com o que acham que sou. Agora, sou capaz de perceber que muito disso era eu.

Ele contou que, agora, faz sete horas de terapia por semana.

E, falando sobre algumas situações sobre as quais fez piada em Todo Mundo Odeia o Chris, ele revelou que nunca tinha realmente lidado com seus traumas de infância:

A realidade é que a dor e o medo que isso me trouxe, eu experienciava todo dia...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;