Fechar
Publicidade

Domingo, 25 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Anda move ação cautelar para pedir que governo acabe com queimadas no Pantanal



21/09/2020 | 13:13


A Anda, Agência de Notícias de Direitos Animais, moveu uma ação cautelar na 8ª Vara Federal Cível da Seção Judiciária de Mato Grosso pedindo que o governo federal acabe com as queimadas no Pantanal. O documento sugere que aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) sejam usados para combater os incêndios na região.

O texto da ação, assinado pelas advogadas da Anda, Evelyne Paludo e Letícia Filpi, ressalta que "a utilização da aviação através da Força Aérea Brasileira é o único meio efetivamente capaz de evitar o ponto de irreversibilidade da tragédia ambiental que estamos vivendo".

O documento alerta, ainda, que as queimadas estão matando milhares de animais e a vegetação. "O meio ambiente - fauna e flora - estão sendo dizimados em razão da omissão da União em promover ações efetivas no combate aos incêndios, deixando de cumprir a responsabilidade prevista constitucionalmente".

A ação movida pela Anda ressalta, ainda, o decreto assinado pelo governador do Mato Grosso que estabeleceu estado de emergência "em razão do descontrole absoluto dos incêndios que avançam destruindo a vegetação e aniquilando animais silvestres".

Destruição

As queimadas atingem o Pantanal desde julho. Em meio à polêmicas, o presidente da República, Jair Bolsonaro, disse na semana passada que o Brasil "está de parabéns" na questão ambiental. Nesta segunda-feira, 21, ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, minimizou a alta nos números de desmatamento e queimadas.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Anda move ação cautelar para pedir que governo acabe com queimadas no Pantanal


21/09/2020 | 13:13


A Anda, Agência de Notícias de Direitos Animais, moveu uma ação cautelar na 8ª Vara Federal Cível da Seção Judiciária de Mato Grosso pedindo que o governo federal acabe com as queimadas no Pantanal. O documento sugere que aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) sejam usados para combater os incêndios na região.

O texto da ação, assinado pelas advogadas da Anda, Evelyne Paludo e Letícia Filpi, ressalta que "a utilização da aviação através da Força Aérea Brasileira é o único meio efetivamente capaz de evitar o ponto de irreversibilidade da tragédia ambiental que estamos vivendo".

O documento alerta, ainda, que as queimadas estão matando milhares de animais e a vegetação. "O meio ambiente - fauna e flora - estão sendo dizimados em razão da omissão da União em promover ações efetivas no combate aos incêndios, deixando de cumprir a responsabilidade prevista constitucionalmente".

A ação movida pela Anda ressalta, ainda, o decreto assinado pelo governador do Mato Grosso que estabeleceu estado de emergência "em razão do descontrole absoluto dos incêndios que avançam destruindo a vegetação e aniquilando animais silvestres".

Destruição

As queimadas atingem o Pantanal desde julho. Em meio à polêmicas, o presidente da República, Jair Bolsonaro, disse na semana passada que o Brasil "está de parabéns" na questão ambiental. Nesta segunda-feira, 21, ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, minimizou a alta nos números de desmatamento e queimadas.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;