Fechar
Publicidade

Sábado, 5 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Bolsonaro diz debater sobre o que fazer 'legalmente' para conter alta

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


11/09/2020 | 08:39


O presidente Jair Bolsonaro afirmou na noite desta quinta-feira, em transmissão ao vivo para redes sociais, que mantém conversas com ministros e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, para entender os motivos da alta do dólar ante o real e se algo pode ser feito para atenuar o movimento.

"Tenho conversado sempre com os ministros e o presidente do Banco Central (sobre) o que a gente pode fazer pro dólar não subir tanto, o que o governo pode fazer legalmente, obedecendo às regras do mercado", afirmou Bolsonaro. O presidente não deu mais detalhes sobre essas conversas.

O comentário do mandatário foi feito em um momento da transmissão no qual ele falava dos motivos pelos quais o arroz tem ficado mais caro no País. Além da questão cambial, Bolsonaro atribuiu ainda ao aumento da demanda por causa do auxílio emergencial.

Instantes antes, o presidente reforçou que não vai interferir no mercado para baixar os preços do alimento. "O que tem de valer é a lei da oferta e da procura", disse Bolsonaro.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Bolsonaro diz debater sobre o que fazer 'legalmente' para conter alta


11/09/2020 | 08:39


O presidente Jair Bolsonaro afirmou na noite desta quinta-feira, em transmissão ao vivo para redes sociais, que mantém conversas com ministros e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, para entender os motivos da alta do dólar ante o real e se algo pode ser feito para atenuar o movimento.

"Tenho conversado sempre com os ministros e o presidente do Banco Central (sobre) o que a gente pode fazer pro dólar não subir tanto, o que o governo pode fazer legalmente, obedecendo às regras do mercado", afirmou Bolsonaro. O presidente não deu mais detalhes sobre essas conversas.

O comentário do mandatário foi feito em um momento da transmissão no qual ele falava dos motivos pelos quais o arroz tem ficado mais caro no País. Além da questão cambial, Bolsonaro atribuiu ainda ao aumento da demanda por causa do auxílio emergencial.

Instantes antes, o presidente reforçou que não vai interferir no mercado para baixar os preços do alimento. "O que tem de valer é a lei da oferta e da procura", disse Bolsonaro.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;