Fechar
Publicidade

Domingo, 25 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Turismo

turismo@dgabc.com.br | 4435-8367

Um tour pela Grã-Bretanha de Sherlock Holmes

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Redação
Do Rota de Férias

10/09/2020 | 17:48


Quem vai à Grã-Bretanha pode aproveitar o passeio para conhecer pontos turísticos relacionados a uma das personalidades fictícias mais famosas do mundo: Sherlock Holmes. Criado pelo escritor Sir Arthur Conan Doyle, o personagem é conhecido por desvendar mistérios ao lado de seu fiel escudeiro, Dr. John H. Watson. Abaixo, veja sugestões de roteiros relacionados às histórias do detetive.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas de viagem? Assine nossa newsletter neste link.

Um tour pela Grã-Bretanha de Sherlock Holmes

Casa do detetive 

Um bom lugar para começar sua investigação sobre Holmes é a casa do detetive. Na vida real, o endereço na Baker Street (número 237-41, em vez de 221B) abriga o Sherlock Holmes Museum, com recriações fiéis de seus aposentos vitorianos, como descrito nos livros. Ali, é possível contemplar uma coleção de pertences e ver reconstituições de cera de alguns memoráveis mistérios desvendados por Sherlock.

Conexões literárias em Londres

A maioria dos crimes desvendados por Sherlock tem Londres como pano de fundo. Vale a pena ir ao The Langham, hotel cinco estrelas que está presente em vários livros. Foi ali que Doyle teve uma “noite de ouro”, compartilhando idéias com o escritor Oscar Wilde.

O atmosférico Ye Olde Cheshire Cheese, na Fleet Street, um dos pubs históricos da capital da Inglaterra, era outro muito frequentado pelo criador de Sherlock. Depois de visitá-lo, vá ao Simpson na Strand, um tradicional restaurante inglês que transporta o viajante à época do detetive.

O pub Sherlock Holmes, perto da estação de Charing Cross, não existia na época de Doyle, mas também é uma boa pedida. O local abriga recordações fascinantes coletadas com o apoio da família do autor.

LEIA MAIS: DOIS DIAS BEM APROVEITADOS EM LIVERPOOL, NA INGLATERRA
O QUE CONHECER NA CAPITAL DA INGLATERRA, NO REINO UNIDO

TV e cinema

Existem vários filmes e versões de TV dos livros de Sherlock, mas muitos fãs contemporâneos estão familiarizados com o sucesso da série da BBC, com Benedict Cumberbatch no papel principal. Há locações em Cardiff, Bristol e Londres, entre muitos outros lugares da Grã-Bretanha.

O Bristol Film Office reuniu um mapa prático para passeios auto-guiados, com locais como o Cemitério Arnos Vale, onde Sherlock visitou o túmulo de Emilia Ricoletti em “A Noiva Abominável”.

Em Cardiff e Londres, a Brit Movie Tours realiza excursões em grupo pelas locações principais. Os destaques incluem o Museu Nacional em Cardiff, como visto em “The Blind Banker”, e o Speedy’s Cafe, na capital inglesa, que apareceu em inúmeros episódios abaixo do flat de Sherlock, na North Gower Street. Ele é um café de verdade e serve deliciosos chás e bolos.

Os personagens criados por Doyle também foram representados várias vezes nas telonas. Antes de ir à Grã-Bretanha, vale a pena ver “The Hound of the Baskervilles” (1959), o primeiro filme de Sherlock colorido, e “The Private Life of Sherlock Holmes” (1970), que inclui um avistamento do monstro de Lago Ness.

Robert Downey Jr.  e Jude Law estrelaram a dupla de detetives nos filmes mais recentes, que foram gravados em locais como o Dockyard Chatham, em Kent, e o Stanley Dock, em Liverpool.

A inspiração de Sir Arthur Conan Doyle

O autor usou suas experiências viajando pela Grã-Bretanha para obter ideias para romances. As colinas selvagens de Dartmoor, por exemplo, o levaram a criar “O Cão dos Baskervilles”. Ele também visitou Norfolk, hospedando-se no The Hill House Inn, em Happisburgh, que inspirou “The Adventure of the Dancing Men“.

Vale a pena destacar que Doyle inventou Sherlock depois de se mudar para a cidade portuária de Portsmouth, em 1882, para estabelecer uma prática médica (ele era médico). Seus dois primeiros contos do detetive (“A Study in Scarlet” e “The Sign of Four”) foram escritos na cidade. O Portsmouth Museum, que tem entrada gratuita, reúne a maior exposição permanente dedicada ao autor.

Cidades para conhecer na Inglaterra 

Na galeria, veja alguns destinos legais para visitar na Inglaterra:

  • Crédito: Pixabay
    Big Ben
  • Crédito: Pixabay
    Big Ben
  • Crédito: Pixabay
    London Eye
  • Crédito: Pixabay
    London Eye
  • Crédito: Pixabay
    Palácio de Buckingham
  • Crédito: Pixabay
    Palácio de Buckingham
  • Crédito: Pixabay
    National Gallery
  • Crédito: Pixabay
    National Gallery
  • Crédito: Pixabay
    Abadia de Westminster
  • Crédito: Pixabay
    Abadia de Westminster
  • Crédito: Pixabay
    Tower Bridge
  • Crédito: Pixabay
    Tower Bridge
  • Crédito: Pixabay
    Abbey Road
  • Crédito: Pixabay
    Abbey Road
  • Crédito: Pixabay
    Royal Albert Hall
  • Crédito: Pixabay
    Royal Albert Hall
  • Crédito: Pixabay
    Shakespeare’s Globe
  • Crédito: Pixabay
    Shakespeare’s Globe
  • Crédito: Pixabay
    Palácio de Kensington
  • Crédito: Pixabay
    Palácio de Kensington
  • Crédito: Pixabay
    Wimbledon
  • Crédito: Pixabay
    Wimbledon
  • Crédito: Pixabay
    Manchester
  • Crédito: Pixabay
    Manchester
  • Crédito: Pixabay
    Cambridge
  • Crédito: Pixabay
    Cambridge
  • Crédito: Pixabay
    Windsor
  • Crédito: Pixabay
    Windsor
  • Crédito: Pixabay
    Leeds
  • Crédito: Pixabay
    Leeds
  • Crédito: Pixabay
    Newquay
  • Crédito: Pixabay
    Newquay
  • Crédito: Pixabay
    Portsmouth
  • Crédito: Pixabay
    Portsmouth
  • Crédito: Pixabay
    Kent
  • Crédito: Pixabay
    Kent
  • Crédito: Pixabay
    Bath
  • Crédito: Pixabay
    Bath
  • Crédito: Pixabay
    York
  • Crédito: Pixabay
    York

 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Um tour pela Grã-Bretanha de Sherlock Holmes

Redação
Do Rota de Férias

10/09/2020 | 17:48


Quem vai à Grã-Bretanha pode aproveitar o passeio para conhecer pontos turísticos relacionados a uma das personalidades fictícias mais famosas do mundo: Sherlock Holmes. Criado pelo escritor Sir Arthur Conan Doyle, o personagem é conhecido por desvendar mistérios ao lado de seu fiel escudeiro, Dr. John H. Watson. Abaixo, veja sugestões de roteiros relacionados às histórias do detetive.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas de viagem? Assine nossa newsletter neste link.

Um tour pela Grã-Bretanha de Sherlock Holmes

Casa do detetive 

Um bom lugar para começar sua investigação sobre Holmes é a casa do detetive. Na vida real, o endereço na Baker Street (número 237-41, em vez de 221B) abriga o Sherlock Holmes Museum, com recriações fiéis de seus aposentos vitorianos, como descrito nos livros. Ali, é possível contemplar uma coleção de pertences e ver reconstituições de cera de alguns memoráveis mistérios desvendados por Sherlock.

Conexões literárias em Londres

A maioria dos crimes desvendados por Sherlock tem Londres como pano de fundo. Vale a pena ir ao The Langham, hotel cinco estrelas que está presente em vários livros. Foi ali que Doyle teve uma “noite de ouro”, compartilhando idéias com o escritor Oscar Wilde.

O atmosférico Ye Olde Cheshire Cheese, na Fleet Street, um dos pubs históricos da capital da Inglaterra, era outro muito frequentado pelo criador de Sherlock. Depois de visitá-lo, vá ao Simpson na Strand, um tradicional restaurante inglês que transporta o viajante à época do detetive.

O pub Sherlock Holmes, perto da estação de Charing Cross, não existia na época de Doyle, mas também é uma boa pedida. O local abriga recordações fascinantes coletadas com o apoio da família do autor.

LEIA MAIS: DOIS DIAS BEM APROVEITADOS EM LIVERPOOL, NA INGLATERRA
O QUE CONHECER NA CAPITAL DA INGLATERRA, NO REINO UNIDO

TV e cinema

Existem vários filmes e versões de TV dos livros de Sherlock, mas muitos fãs contemporâneos estão familiarizados com o sucesso da série da BBC, com Benedict Cumberbatch no papel principal. Há locações em Cardiff, Bristol e Londres, entre muitos outros lugares da Grã-Bretanha.

O Bristol Film Office reuniu um mapa prático para passeios auto-guiados, com locais como o Cemitério Arnos Vale, onde Sherlock visitou o túmulo de Emilia Ricoletti em “A Noiva Abominável”.

Em Cardiff e Londres, a Brit Movie Tours realiza excursões em grupo pelas locações principais. Os destaques incluem o Museu Nacional em Cardiff, como visto em “The Blind Banker”, e o Speedy’s Cafe, na capital inglesa, que apareceu em inúmeros episódios abaixo do flat de Sherlock, na North Gower Street. Ele é um café de verdade e serve deliciosos chás e bolos.

Os personagens criados por Doyle também foram representados várias vezes nas telonas. Antes de ir à Grã-Bretanha, vale a pena ver “The Hound of the Baskervilles” (1959), o primeiro filme de Sherlock colorido, e “The Private Life of Sherlock Holmes” (1970), que inclui um avistamento do monstro de Lago Ness.

Robert Downey Jr.  e Jude Law estrelaram a dupla de detetives nos filmes mais recentes, que foram gravados em locais como o Dockyard Chatham, em Kent, e o Stanley Dock, em Liverpool.

A inspiração de Sir Arthur Conan Doyle

O autor usou suas experiências viajando pela Grã-Bretanha para obter ideias para romances. As colinas selvagens de Dartmoor, por exemplo, o levaram a criar “O Cão dos Baskervilles”. Ele também visitou Norfolk, hospedando-se no The Hill House Inn, em Happisburgh, que inspirou “The Adventure of the Dancing Men“.

Vale a pena destacar que Doyle inventou Sherlock depois de se mudar para a cidade portuária de Portsmouth, em 1882, para estabelecer uma prática médica (ele era médico). Seus dois primeiros contos do detetive (“A Study in Scarlet” e “The Sign of Four”) foram escritos na cidade. O Portsmouth Museum, que tem entrada gratuita, reúne a maior exposição permanente dedicada ao autor.

Cidades para conhecer na Inglaterra 

Na galeria, veja alguns destinos legais para visitar na Inglaterra:

  • Crédito: Pixabay
    Big Ben
  • Crédito: Pixabay
    Big Ben
  • Crédito: Pixabay
    London Eye
  • Crédito: Pixabay
    London Eye
  • Crédito: Pixabay
    Palácio de Buckingham
  • Crédito: Pixabay
    Palácio de Buckingham
  • Crédito: Pixabay
    National Gallery
  • Crédito: Pixabay
    National Gallery
  • Crédito: Pixabay
    Abadia de Westminster
  • Crédito: Pixabay
    Abadia de Westminster
  • Crédito: Pixabay
    Tower Bridge
  • Crédito: Pixabay
    Tower Bridge
  • Crédito: Pixabay
    Abbey Road
  • Crédito: Pixabay
    Abbey Road
  • Crédito: Pixabay
    Royal Albert Hall
  • Crédito: Pixabay
    Royal Albert Hall
  • Crédito: Pixabay
    Shakespeare’s Globe
  • Crédito: Pixabay
    Shakespeare’s Globe
  • Crédito: Pixabay
    Palácio de Kensington
  • Crédito: Pixabay
    Palácio de Kensington
  • Crédito: Pixabay
    Wimbledon
  • Crédito: Pixabay
    Wimbledon
  • Crédito: Pixabay
    Manchester
  • Crédito: Pixabay
    Manchester
  • Crédito: Pixabay
    Cambridge
  • Crédito: Pixabay
    Cambridge
  • Crédito: Pixabay
    Windsor
  • Crédito: Pixabay
    Windsor
  • Crédito: Pixabay
    Leeds
  • Crédito: Pixabay
    Leeds
  • Crédito: Pixabay
    Newquay
  • Crédito: Pixabay
    Newquay
  • Crédito: Pixabay
    Portsmouth
  • Crédito: Pixabay
    Portsmouth
  • Crédito: Pixabay
    Kent
  • Crédito: Pixabay
    Kent
  • Crédito: Pixabay
    Bath
  • Crédito: Pixabay
    Bath
  • Crédito: Pixabay
    York
  • Crédito: Pixabay
    York

 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;