Fechar
Publicidade

Sábado, 5 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Assembleia aprova LDO estadual, que prevê R$ 215 bi em receita fiscal

Marcello Casal Jr/Agência Brasil Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Do Diário do Grande ABC

29/07/2020 | 00:01


A Assembleia Legislativa aprovou ontem, por 62 votos a 20, a LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) do Estado, com projeção de receita fiscal na ordem de R$ 215 bilhões para o ano que vem. Como o texto costuma ser confeccionado no primeiro trimestre, a peça chegou à casa sem contabilizar todos os impactos econômicos do novo coronavírus.

Ao todo, 1.179 emendas foram propostas, sendo que cerca de 100 foram acatadas em acordo dos deputados com o governo de João Doria (PSDB).

A LDO é uma espécie de prévia do orçamento para o próximo ano e estabelece algumas diretrizes de investimentos que a administração traça previamente. A LOA (Lei Orçamentária Anual), que regulamenta receita e despesa do poder público, é analisada e votada até o fim do ano.

A deputada Janaina Paschoal (PSL) criticou o índice de remanejamento da peça – de 15% – sem a necessidade de crivo da Assembleia. “A maneira como a LDO está, como ela veio e foi mantida, é como se nós, o Poder Legislativo, estivéssemos dizendo que o governador pode abrir quantos créditos suplementares entender que serão precisos sem nos consultar.”

A proposta indica que, no mínimo, 9,57% do valor mensal arrecadado pelo Estado por meio do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) irão para custeio das universidades públicas estaduais. Os deputados Rafa Zimbaldi (PL) e Beth Sahão (PT) criticaram o índice. “Nós precisamos valorizar quem tem pesquisado a saúde do nosso Estado e aí eu destaco a Unesp, USP e Unicamp pelo trabalho que têm feito desenvolvendo vacinas, testes rápidos, respiradores”, citou Zimbaldi.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Assembleia aprova LDO estadual, que prevê R$ 215 bi em receita fiscal

Do Diário do Grande ABC

29/07/2020 | 00:01


A Assembleia Legislativa aprovou ontem, por 62 votos a 20, a LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) do Estado, com projeção de receita fiscal na ordem de R$ 215 bilhões para o ano que vem. Como o texto costuma ser confeccionado no primeiro trimestre, a peça chegou à casa sem contabilizar todos os impactos econômicos do novo coronavírus.

Ao todo, 1.179 emendas foram propostas, sendo que cerca de 100 foram acatadas em acordo dos deputados com o governo de João Doria (PSDB).

A LDO é uma espécie de prévia do orçamento para o próximo ano e estabelece algumas diretrizes de investimentos que a administração traça previamente. A LOA (Lei Orçamentária Anual), que regulamenta receita e despesa do poder público, é analisada e votada até o fim do ano.

A deputada Janaina Paschoal (PSL) criticou o índice de remanejamento da peça – de 15% – sem a necessidade de crivo da Assembleia. “A maneira como a LDO está, como ela veio e foi mantida, é como se nós, o Poder Legislativo, estivéssemos dizendo que o governador pode abrir quantos créditos suplementares entender que serão precisos sem nos consultar.”

A proposta indica que, no mínimo, 9,57% do valor mensal arrecadado pelo Estado por meio do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) irão para custeio das universidades públicas estaduais. Os deputados Rafa Zimbaldi (PL) e Beth Sahão (PT) criticaram o índice. “Nós precisamos valorizar quem tem pesquisado a saúde do nosso Estado e aí eu destaco a Unesp, USP e Unicamp pelo trabalho que têm feito desenvolvendo vacinas, testes rápidos, respiradores”, citou Zimbaldi.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;