Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 6 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Empresas no Brasil e os crimes digitais

Na medida em que a tecnologia expande sua importância na rotina das empresas...


Dgabc

10/03/2012 | 00:00


Na medida em que a tecnologia expande sua importância na rotina das empresas, fato preocupante torna-se cada vez mais visível e crescente no mercado: a vulnerabilidade em relação aos crimes digitais. A Pricewaterhouse Coopers realizou a 6ª edição da Pesquisa Global sobre Crimes Econômicos e, de acordo com o constatado, esse delito representa grave ameaça, especialmente na alta administração, pois pode-se deixar escapar preciosas informações de negócios futuros e financeiros. No Brasil, nesta era da informática e internet, os crimes digitais têm atingido cada vez mais empresas. Somente para se ter ideia, em 2011, mais de um terço (32%) das empresas relatou ter sido vítima desta prática. A informação faz parte dessa pesquisa, que revelou que o crime, apesar de comum, ainda não superou o roubo de ativos, que afetou no último ano 68% das organizações, mas é preocupante.

Divulgado no dia 24, o levantamento apontou ainda que os ataques no País já são tantos, que superam até a média mundial, que atualmente é de 23%, o que demonstra alto índice no crescimento desse crime. Dado mais alarmante ainda é revelado pela pesquisa: o de que a maioria das empresas não está nem um pouco preparada para se proteger dessas ameaças virtuais, e não por falta de meios. Ao que parece, 51% dos ouvidos no Brasil informaram que os CEOs e a diretoria de suas empresas ainda não adotaram processos de verificação de ameaças de crimes digitais ou, então, que os adotaram de modo não formal, apenas para fins específicos (o que representa em torno de 40% no mundo).

As consequências para quem deixa de cuidar de seus interesses corporativos, de fato, não costumam faltar. A abordagem relativa ao problema, por exemplo, costuma ser custosa e atinge níveis preocupantes, causando danos irreparáveis à empresa, pois coloca em risco não apenas o aspecto financeiro, mas a marca e a reputação do negócio. Segundo o levantamento, 8% das empresas afetadas no Brasil sofreram perdas superiores a US$ 5 milhões e 5% registraram prejuízos de US$ 100 milhões a US$ 1 bilhão. O problema, no entanto, é que nem mesmo tais perdas têm servido de lição.

Por fim cabe dizer que o Poder Judiciário já acena com decisões e imposições favoráveis à defesa de empresas que sofrem esse tipo de crime e, no caso de não se resguardarem, podem se socorrer ao crivo do Judiciário para remediar a questão.

Erick Rodrigues Ferreira de Melo e Silva é advogado e consultor empresarial.

 

 

PALAVRA DO LEITOR

Culpa do progresso?

 Alagamentos enormes, bebês abandonados ou mesmo jogados no lixo, crianças trucidadas sem dó nem piedade,inocente morta em praia onde deveria ter somente água e areia, motoristas dirigindo embriagados causando mortes no trânsito, ex-namorado matando friamente a ex-companheira, mulheres brutalmente espancadas pelos maridos, amantes ou companheiros, adolescente morrendo ao cair de brinquedo em parque famoso, jovens queimando morador de rua, o crack tomando conta de parte da sociedade, estupros em crianças, jovens e senhoras, enfim, outro modo de vida completamente diferente do passado. Com certeza dirão que é apenas saudosismo, mas não é! É, sim, realismo, que nos traz progresso descontrolado e perverso visando comodismo e ganho fácil em detrimento de um viver mais simples, porém mais saudável. Portanto, são muitas as vítimas do progresso.

Américo Del Corto

Ribeirão Pires

Deu as costas

 O prefeito Aidan Ravin, de Santo André, após ser eleito abandonou amigos e correligionários para ter em seus quadros aproveitadores, amigos de última hora, forasteiros e pessoas sem compromisso com a cidade. Agora nem santinho ajuda, pois aquele que abandona os amigos não tem o respeito nem dos inimigos.

Italo Leal

Santo André

Irmãos gêmeos

 Marco Aurélio Top-top e Jerôme Valcker Pontapé no Bumbum parecem irmãos gêmeos, especialistas em fazer coisa errada. Já deveriam estar na geladeira há muito tempo. Alguém precisa acordar a presidente Dilma Rousseff e o presidente da Fifa, Joseph Blatter, antes que aconteça algo pior.

Leônidas Marques

Volta Redonda (RJ)

Nair Lacerda

 Nosso Diário prestou homenagem pelo mês da mulheres trazendo como ícone Nair Lacerda, dando-nos exposição na Biblioteca Municipal que leva seu nome (Cultura & Lazer, dia 5). Nesse mesmo espaço as instalações hidráulicas, banheiros, bebedouros e principalmente o precário e antiquado sistema de fiação e iluminação são ruins. E o pior é que a biblioteca funciona a 150 metros da Prefeitura e do Fórum e a 100 metros da Câmara. Convido os vereadores, forenses, prefeito, vice e seus secretários e interessados para que façam uma visitinha rápida e flagrarão as instalações às quais me refiro. Estudantes, pesquisadores, usuários e funcionários, bem como o acervo e documentos daquela repartição poderão ser atingidos por possível incêndio provocado por provável curto. Nair Lacerda, não os perdoe pela vergonha e omissão.

Cecél Garcia

Santo André

Lógica ‘ingenoina'

 Este Diário, em pequena nota, anuncia a memorável presença do senhor José Genoino como participante de ‘debate', alusivo ao Dia Internacional da Mulher, em São Bernardo (Política, dia 6). Talvez a sensibilidade da verdadeira mulher se aguce para refletir e questioná-lo em: o que ele tem a ver com tal propósito? Como é que tantos réus, alguns até condenados já para cumprimento de penas em prisão, encabeçam instituições de Justiça, defesa, comissões ligadas a tais objetos etc? Enfim, com quem no Ministério da Defesa podemos contar para nos defender? O povo merece isso?Por que o senhor foi contratado com o nosso dinheiro? É o senhor quem vai nos defender de malfeitores?

Paulo Rogério Bolas

Santo André

Saúde pública

 Todo sábado recebo em minha porta a visita de um senhor vendedor de bijuteria. Minha mulher gosta muito. Fiquei sabendo que ele passará por cirurgia de câncer na tiroide, marcada somente para agosto em hospital público. Mas o que é isso? Onde nós estamos? Cadê o direito do cidadão à Saúde e à vida? É muito tempo! Aprovamos a Ficha Limpa, agora temos que aprovar lei que obrigue políticos detentores de cargos eletivos a somente poder usar o sistema público de Sáude. Aí, quem sabe começa a melhorar.

Charles G. França

São Bernardo 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;