Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 12 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Cachorro de conselheiro 'invade' sessão virtual de tribunal



15/07/2020 | 19:25


A sessão virtual do TCE-SP (Tribunal de Contas do Estado de São Paulo) teve uma participação inusitada na terça-feira, 14. Enquanto lia o seu voto, o conselheiro Antonio Roque Citadini acabou sendo atrapalhado por seu cão, Bravo, que "invadiu" a sessão.

Em entrevista para o E+, Citadini explicou que o tribunal, assim como outras cortes do Brasil, tem realizado sessões online devido à pandemia do novo coronavírus. Ele estava lendo o seu voto referente à Fundação Adib Jatene quando foi interrompido pelo cachorro.

O conselheiro explicou que Bravo é um dogue alemão, com cinco anos de idade e não via o dono há três meses, pois estava no interior de São Paulo. "Ele voltou na segunda-feira 13 e está muito apegado porque ele tinha uma vida muito agradável em casa e achou que tinha sido abandonado. Quando ele voltou, aonde eu ando ele anda atrás", comentou.

"Ele deita no sofá e fica na sala onde eu estou e fica me olhando. Quando foi começar a sessão eu tentei levar ele para dormir na cama dele no quarto e ele não quis ir de jeito nenhum", explica o conselheiro. No meio da sessão, sem que o tutor percebesse, Bravo foi se aproximando, cheirou e lambeu Citadini.

O conselheiro notou as risadas dos colegas e brincou: "Esse é meu cachorro. Justo agora que ele me aparece aqui ... vá pra lá". "Não sei se meu cachorro aprontou aqui porque ele deu uma babada no meu terno", disse ele após finalizar o voto.

"Na hora que eu terminei meu voto, comecei a receber mensagens no WhatsApp de pessoas que assistiam ao vivo no YouTube, gente me mandando a gravação", contou o conselheiro.

Clique aqui



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Cachorro de conselheiro 'invade' sessão virtual de tribunal


15/07/2020 | 19:25


A sessão virtual do TCE-SP (Tribunal de Contas do Estado de São Paulo) teve uma participação inusitada na terça-feira, 14. Enquanto lia o seu voto, o conselheiro Antonio Roque Citadini acabou sendo atrapalhado por seu cão, Bravo, que "invadiu" a sessão.

Em entrevista para o E+, Citadini explicou que o tribunal, assim como outras cortes do Brasil, tem realizado sessões online devido à pandemia do novo coronavírus. Ele estava lendo o seu voto referente à Fundação Adib Jatene quando foi interrompido pelo cachorro.

O conselheiro explicou que Bravo é um dogue alemão, com cinco anos de idade e não via o dono há três meses, pois estava no interior de São Paulo. "Ele voltou na segunda-feira 13 e está muito apegado porque ele tinha uma vida muito agradável em casa e achou que tinha sido abandonado. Quando ele voltou, aonde eu ando ele anda atrás", comentou.

"Ele deita no sofá e fica na sala onde eu estou e fica me olhando. Quando foi começar a sessão eu tentei levar ele para dormir na cama dele no quarto e ele não quis ir de jeito nenhum", explica o conselheiro. No meio da sessão, sem que o tutor percebesse, Bravo foi se aproximando, cheirou e lambeu Citadini.

O conselheiro notou as risadas dos colegas e brincou: "Esse é meu cachorro. Justo agora que ele me aparece aqui ... vá pra lá". "Não sei se meu cachorro aprontou aqui porque ele deu uma babada no meu terno", disse ele após finalizar o voto.

"Na hora que eu terminei meu voto, comecei a receber mensagens no WhatsApp de pessoas que assistiam ao vivo no YouTube, gente me mandando a gravação", contou o conselheiro.

Clique aqui

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;