Fechar
Publicidade

Domingo, 12 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Doria inaugura nova delegacia da mulher em São Bernardo

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Equipamento vai funcionar 24 horas; outros prédios das polícias civil e militar também foram entregues após reformas


Aline Melo
Do Diário do Grande ABC

30/06/2020 | 11:56


O governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB) inaugurou na manhã de hoje a nova DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) em São Bernardo. O equipamento foi transferido para um prédio da municipalidade, na rua Tasman, 540, ao lado da Cidade das Crianças, e vai funcionar por 24 horas. O evento também marcou a entrega simbólica de novas sedes reformadas do 2º e do 4º Distrito Policial, da Dicma (Delegacia de Investigação de Infrações e Crimes contra o Meio Ambiente) e do 6° BPM/M (Batalhão de Polícia Militar Metropolitano). Todos passam a funcionar em próprios públicos.
“Vamos prosseguir no programa de inaugurações de delegacias, DDMs, reforma de delegacias da Polícia Civil e também na entrega dos novos batalhões da Polícia Militar. As obras continuaram e o cronograma está mantido até dezembro não só na Região Metropolitana de São Paulo, mas em todo o estado”, afirmou Doria. O governador estimou para o 1º trimestre de 2021 a entrega da DDM 24 horas em Santo André.
A troca dos equipamentos de prédios alugados para imóveis próprios significa economia para os cofres de São Bernardo. O prefeito Orlando Morando relatou que apenas em duas delegacias, eram gastos R$ 15 mil ao mês, R$ 180 mil ao ano. “Estamos tornando públicas as delegacias e deixando de pagar aluguel. O investimento total para a reforma dos imóveis foi em torno de R$ 2 milhões. Os prédios já existiam, não precisamos comprar, só adaptamos, reformamos e entregamos”, pontuou.
VIOLÊNCIA POLICIAL
O governador João Doria e o secretário Executivo da Polícia Militar (PM), Coronel Álvaro Batista Camilo, comentaram o aumento da violência policial no Estado na região. No domingo, 28 de junho, o Diário mostrou que durante o período da quarentena por conta da pandemia de Covid-19, de 23 de março a 30 de abril, aumentou em 666% a letalidade policial na região.
“O governo do Estado de São Paulo já disse e reafirmo nesse momento, São Paulo não compactua com violência policial”, afirmou Doria, que destacou que o Estado tem a melhor polícia militar, a melhor polícia civil e o melhor Corpo de Bombeiros do País. “Porque eles vêm fazendo treinamento dos últimos 60 anos, é uma conquista histórica. E com mais de 80 mi policiais na ativa, nós temos menos de 0,7% de policiais que não seguem os protocolos, então é um numero muito pequeno. A absoluta maioria contribui com a segurança pública e a estabilidade dos bairros e comunidades”, completou o governador.
Coronel Camilo afirmou que são feitas 80 mil abordagens por dia no Estado e a que a grande maioria é bem sucedida e os policiais seguem as normas e protocolos. “Existe também um treinamento continuado da PM muito forte, e agora o governo também lançou o programa Retreinar, para reforçar os conceitos até a ponta da linha. Os desvios de condutas estão sendo apurados e somos rigorosos”, afirmou. “Corroboro a fala do governador, nós não compactuamos com a coisa errada”, concluiu o coronel. O programa retreinar será implementado durante o mês de julho. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Doria inaugura nova delegacia da mulher em São Bernardo

Equipamento vai funcionar 24 horas; outros prédios das polícias civil e militar também foram entregues após reformas

Aline Melo
Do Diário do Grande ABC

30/06/2020 | 11:56


O governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB) inaugurou na manhã de hoje a nova DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) em São Bernardo. O equipamento foi transferido para um prédio da municipalidade, na rua Tasman, 540, ao lado da Cidade das Crianças, e vai funcionar por 24 horas. O evento também marcou a entrega simbólica de novas sedes reformadas do 2º e do 4º Distrito Policial, da Dicma (Delegacia de Investigação de Infrações e Crimes contra o Meio Ambiente) e do 6° BPM/M (Batalhão de Polícia Militar Metropolitano). Todos passam a funcionar em próprios públicos.
“Vamos prosseguir no programa de inaugurações de delegacias, DDMs, reforma de delegacias da Polícia Civil e também na entrega dos novos batalhões da Polícia Militar. As obras continuaram e o cronograma está mantido até dezembro não só na Região Metropolitana de São Paulo, mas em todo o estado”, afirmou Doria. O governador estimou para o 1º trimestre de 2021 a entrega da DDM 24 horas em Santo André.
A troca dos equipamentos de prédios alugados para imóveis próprios significa economia para os cofres de São Bernardo. O prefeito Orlando Morando relatou que apenas em duas delegacias, eram gastos R$ 15 mil ao mês, R$ 180 mil ao ano. “Estamos tornando públicas as delegacias e deixando de pagar aluguel. O investimento total para a reforma dos imóveis foi em torno de R$ 2 milhões. Os prédios já existiam, não precisamos comprar, só adaptamos, reformamos e entregamos”, pontuou.
VIOLÊNCIA POLICIAL
O governador João Doria e o secretário Executivo da Polícia Militar (PM), Coronel Álvaro Batista Camilo, comentaram o aumento da violência policial no Estado na região. No domingo, 28 de junho, o Diário mostrou que durante o período da quarentena por conta da pandemia de Covid-19, de 23 de março a 30 de abril, aumentou em 666% a letalidade policial na região.
“O governo do Estado de São Paulo já disse e reafirmo nesse momento, São Paulo não compactua com violência policial”, afirmou Doria, que destacou que o Estado tem a melhor polícia militar, a melhor polícia civil e o melhor Corpo de Bombeiros do País. “Porque eles vêm fazendo treinamento dos últimos 60 anos, é uma conquista histórica. E com mais de 80 mi policiais na ativa, nós temos menos de 0,7% de policiais que não seguem os protocolos, então é um numero muito pequeno. A absoluta maioria contribui com a segurança pública e a estabilidade dos bairros e comunidades”, completou o governador.
Coronel Camilo afirmou que são feitas 80 mil abordagens por dia no Estado e a que a grande maioria é bem sucedida e os policiais seguem as normas e protocolos. “Existe também um treinamento continuado da PM muito forte, e agora o governo também lançou o programa Retreinar, para reforçar os conceitos até a ponta da linha. Os desvios de condutas estão sendo apurados e somos rigorosos”, afirmou. “Corroboro a fala do governador, nós não compactuamos com a coisa errada”, concluiu o coronel. O programa retreinar será implementado durante o mês de julho. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;