Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 13 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Tecnologia

tecnologia@dgabc.com.br | 4435-8301

5 influenciadoras virtuais que são ícones da moda

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Bianca Bellucci
Do 33Giga

30/07/2020 | 12:48


O impacto de influenciadoras digitais da moda, como Kim Kardashian e Chiara Ferragni, está sendo ameaçado aos poucos por modelos que não existem. As chamadas influenciadoras virtuais são criadas por computação gráfica e, cada vez mais, estão ganhando seguidores e fechando parcerias com grandes marcas, como Prada e Puma. Aqui, o 33Giga reuniu cinco destas mulheres que estão fazendo sucesso na rede. Conheça!

Leia mais:
Estilista de moda lança nova coleção em desfile virtual e em 3D; confira
Avon usa algoritmo para criar rímel mais desejado da internet
Conheça a Upperbag, uma espécie de clube de assinaturas de roupas que custa apenas R$ 1

Lil Miquela (@lilmiquela)

Com mais de 2 milhões de seguidores no Instagram, Lil Miquela é a maior influenciadora virtual do planeta. Costuma publicar fotos de sua vida e se manifestar sobre diversos temas, como os direitos LGBTQ+ e o movimento Black Lives Matter, além de promover marcas de roupas e perfumes, como Prada, Supreme e Vans. Também é a voz por trás do single “Not Mine”, que se tornou viral no Spotify. É fruto da startup norte-americana Brud.

Noonoouri (@noonoouri)

É a única influenciadora virtual da lista que não se parece com uma pessoa real, tendo traços mais animados, com um toque de boneca. Noonoouri se descreve como uma garota mignon de 1,50m de altura, que vive em Paris, na França, e é fã de alta costura. Já colaborou com marcas como Versace, Dior e Nike, além de ser queridinha de Carine Roitfeld, ex-diretora da Vogue Paris. Foi criada pelo alemão Joerg Zuber, da agência de branding e design Opium.

Imma (@imma.gram)

Imma se define como uma garota virtual, interessada na cultura japonesa, filmes e arte. É caracterizada pelo cabelo rosa e já protagonizou campanhas de empresas da moda como Puma e UNIQLO, além de trabalhar com outros setores, como a marca de sorvetes Magnum. Tem um irmão que também é influenciador virtual: Plusticboy. Foi criada pela empresa japonesa CG ModelingCafe.

Shudu (@shudu.gram)

Criada pelo fotógrafo britânico Cameron-James Wilson, é uma modelo negra, mas que compartilha poucas informações sobre a sua personalidade. Conseguiu contratos com marcas como a Tiffany e a Ellesse e costuma publicar fotos de editoriais, campanhas e até looks do dia. Também já apareceu em diferentes pontos turísticos de cidades como Dubai, nos Emirados Árabes, e Sydney, na Austrália.

Vic Kalli (@vic.kalli)

Representante brasileira da lista. É paulista, tem 21 anos, sagitariana e da geração millennial. Marcou sua estreia no mundo da moda – e da tecnologia – com um ensaio para a revista L’Officiel Brasil. Mas, de lá para cá, não teve tanta representatividade no universo fashion. Seu Instagram, por exemplo, não é atualizado desde agosto de 2019. Não há informações de quem está por trás da iniciativa.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Na galeria, veja 30 looks estilosos das influenciadoras virtuais:



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

5 influenciadoras virtuais que são ícones da moda

Bianca Bellucci
Do 33Giga

30/07/2020 | 12:48


O impacto de influenciadoras digitais da moda, como Kim Kardashian e Chiara Ferragni, está sendo ameaçado aos poucos por modelos que não existem. As chamadas influenciadoras virtuais são criadas por computação gráfica e, cada vez mais, estão ganhando seguidores e fechando parcerias com grandes marcas, como Prada e Puma. Aqui, o 33Giga reuniu cinco destas mulheres que estão fazendo sucesso na rede. Conheça!

Leia mais:
Estilista de moda lança nova coleção em desfile virtual e em 3D; confira
Avon usa algoritmo para criar rímel mais desejado da internet
Conheça a Upperbag, uma espécie de clube de assinaturas de roupas que custa apenas R$ 1

Lil Miquela (@lilmiquela)

Com mais de 2 milhões de seguidores no Instagram, Lil Miquela é a maior influenciadora virtual do planeta. Costuma publicar fotos de sua vida e se manifestar sobre diversos temas, como os direitos LGBTQ+ e o movimento Black Lives Matter, além de promover marcas de roupas e perfumes, como Prada, Supreme e Vans. Também é a voz por trás do single “Not Mine”, que se tornou viral no Spotify. É fruto da startup norte-americana Brud.

Noonoouri (@noonoouri)

É a única influenciadora virtual da lista que não se parece com uma pessoa real, tendo traços mais animados, com um toque de boneca. Noonoouri se descreve como uma garota mignon de 1,50m de altura, que vive em Paris, na França, e é fã de alta costura. Já colaborou com marcas como Versace, Dior e Nike, além de ser queridinha de Carine Roitfeld, ex-diretora da Vogue Paris. Foi criada pelo alemão Joerg Zuber, da agência de branding e design Opium.

Imma (@imma.gram)

Imma se define como uma garota virtual, interessada na cultura japonesa, filmes e arte. É caracterizada pelo cabelo rosa e já protagonizou campanhas de empresas da moda como Puma e UNIQLO, além de trabalhar com outros setores, como a marca de sorvetes Magnum. Tem um irmão que também é influenciador virtual: Plusticboy. Foi criada pela empresa japonesa CG ModelingCafe.

Shudu (@shudu.gram)

Criada pelo fotógrafo britânico Cameron-James Wilson, é uma modelo negra, mas que compartilha poucas informações sobre a sua personalidade. Conseguiu contratos com marcas como a Tiffany e a Ellesse e costuma publicar fotos de editoriais, campanhas e até looks do dia. Também já apareceu em diferentes pontos turísticos de cidades como Dubai, nos Emirados Árabes, e Sydney, na Austrália.

Vic Kalli (@vic.kalli)

Representante brasileira da lista. É paulista, tem 21 anos, sagitariana e da geração millennial. Marcou sua estreia no mundo da moda – e da tecnologia – com um ensaio para a revista L’Officiel Brasil. Mas, de lá para cá, não teve tanta representatividade no universo fashion. Seu Instagram, por exemplo, não é atualizado desde agosto de 2019. Não há informações de quem está por trás da iniciativa.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Na galeria, veja 30 looks estilosos das influenciadoras virtuais:

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;