Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 23 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Regiões do Interior do Estado regridem no Plano São Paulo

Divulgação/Governo do Estado Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Aumento do número de internações em Marília e Registro acendeu sinal de alerta e Estado as colocou novamente na Fase 1 (vermelha); Grande ABC permanece na laranja (Fase 2)


Miriam Gimenes
Do Diário do Grande ABC

19/06/2020 | 12:40


As regiões de Marília e Registro regrediram no Plano São Paulo de reabertura econômica. Elas, que estavam na Fase 2 (laranja), com a possibilidade de abertura de comércio e escritórios, voltaram para a Fase 1 (vermelha), conforme indicação do Centro de Contingência de Combate à Covid-19. A iniciativa se deu por causa do aumento do número de internações nas cidades, o que acendeu o sinal de alerta. O anúncio acaba de ser feito em coletiva no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, liderada pelo governador João Doria (PSDB). "Sempre que necessário tomaremos medidas mais duras se assim for a referência do comitê de Saúde, e avançaremos no Plano (São Paulo) se o comitê assim referendar. Hoje, infelizmente, teremos essa regressão e a reclassificação de duas regiões", justificou Doria.

Carlos Carvalho, coordenador do Centro de Contingência de Combate à Covid-19, disse que as duas regiões reclassificadas teve aumento significativo de internações. Marília aumentou em 51% e Registro em 67%. "Isso aponta para possibilidade de um excesso para o sistema de saúde, então por isso essas duas regiões, neste momento, estão classificadas no vermelho. Elas retrocederam em relação à situação do período anterior."

Campinas e Sorocaba permaneceram na fase laranja, mas estão de sobreaviso. "Esses dois municípios estão em uma situação que está apontando para possibilidade de um grande número de casos para o sistema especifico local. O comitê está fazendo uma nota técnica sugerindo que esses prefeitos possam tomar uma atitude de promover o fechamento destes municípios, assim como fez o de Valinhos e se antecipou", sugeriu. Segundo e ele e Marco Vinholi, secretário de Desenvolvimento Regional, os demais municípios na fase laranja não apresentaram piora, o que inclui o Grande ABC.

Segundo dados da Saúde, o Brasil tem 978.142 casos confirmados de coronavírus e 47.748 mortes. Já o Estado, são 211.658 casos confirmados e 2.232 mortes. A taxa de ocupação da UTI na Grande São Paulo, que inclui o Grande ABC, é 70,5%.

FUTEBOL
Carlos Carvalho adiantou que os atletas profissionais, a pedido da Confederação da Confederação Paulista de Futebol e dos clubes que participam da Série A-1, serão testados entre os dias 22 e 30 de junho, assim como os demais profissionais que participarão das partidas. "Os clubes vão se organizar neste período para realizar os testes para poder a partir do dia 1 de julho retomar as partidas, conforme protocolo apresentado esta semana", explicou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Regiões do Interior do Estado regridem no Plano São Paulo

Aumento do número de internações em Marília e Registro acendeu sinal de alerta e Estado as colocou novamente na Fase 1 (vermelha); Grande ABC permanece na laranja (Fase 2)

Miriam Gimenes
Do Diário do Grande ABC

19/06/2020 | 12:40


As regiões de Marília e Registro regrediram no Plano São Paulo de reabertura econômica. Elas, que estavam na Fase 2 (laranja), com a possibilidade de abertura de comércio e escritórios, voltaram para a Fase 1 (vermelha), conforme indicação do Centro de Contingência de Combate à Covid-19. A iniciativa se deu por causa do aumento do número de internações nas cidades, o que acendeu o sinal de alerta. O anúncio acaba de ser feito em coletiva no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, liderada pelo governador João Doria (PSDB). "Sempre que necessário tomaremos medidas mais duras se assim for a referência do comitê de Saúde, e avançaremos no Plano (São Paulo) se o comitê assim referendar. Hoje, infelizmente, teremos essa regressão e a reclassificação de duas regiões", justificou Doria.

Carlos Carvalho, coordenador do Centro de Contingência de Combate à Covid-19, disse que as duas regiões reclassificadas teve aumento significativo de internações. Marília aumentou em 51% e Registro em 67%. "Isso aponta para possibilidade de um excesso para o sistema de saúde, então por isso essas duas regiões, neste momento, estão classificadas no vermelho. Elas retrocederam em relação à situação do período anterior."

Campinas e Sorocaba permaneceram na fase laranja, mas estão de sobreaviso. "Esses dois municípios estão em uma situação que está apontando para possibilidade de um grande número de casos para o sistema especifico local. O comitê está fazendo uma nota técnica sugerindo que esses prefeitos possam tomar uma atitude de promover o fechamento destes municípios, assim como fez o de Valinhos e se antecipou", sugeriu. Segundo e ele e Marco Vinholi, secretário de Desenvolvimento Regional, os demais municípios na fase laranja não apresentaram piora, o que inclui o Grande ABC.

Segundo dados da Saúde, o Brasil tem 978.142 casos confirmados de coronavírus e 47.748 mortes. Já o Estado, são 211.658 casos confirmados e 2.232 mortes. A taxa de ocupação da UTI na Grande São Paulo, que inclui o Grande ABC, é 70,5%.

FUTEBOL
Carlos Carvalho adiantou que os atletas profissionais, a pedido da Confederação da Confederação Paulista de Futebol e dos clubes que participam da Série A-1, serão testados entre os dias 22 e 30 de junho, assim como os demais profissionais que participarão das partidas. "Os clubes vão se organizar neste período para realizar os testes para poder a partir do dia 1 de julho retomar as partidas, conforme protocolo apresentado esta semana", explicou.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;