Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 24 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Cristiano Ronaldo perde pênalti, mas Juventus vai à final da Copa da Itália

Reprodução/Instagram Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


12/06/2020 | 18:35


A Juventus garantiu vaga na final da Copa da Itália, nesta sexta-feira, em Turim, após empate sem gols com o Milan. No primeiro jogo, em fevereiro, no Estádio San Siro, em Milão, as equipes haviam empatado também, mas por 1 a 1. O gol fora de casa foi determinante para a classificação.

Com o resultado, o time do português Cristiano Ronaldo vai jogar a decisão na próxima quarta-feira, em Roma, diante do vencedor do confronto entre Napoli e Internazionale, que jogam, neste sábado, em Nápoles. O time napolitano venceu o primeiro duelo, em Milão, por 1 a 0.

Mesmo com a vantagem de poder empatar sem gols para lutar pela 14.ª taça da competição, a Juventus dominou grande parte da partida e merecia ter saído de campo com a vitória. Aos 16 minutos, Cristiano Ronaldo teve a chance de abrir o placar, mas desperdiçou a cobrança de um pênalti, ao acertar a trave direita do goleiro Gianluigi Donnarumma, um dos melhores em campo.

Logo após essa jogada, o Milan perdeu o atacante croata Ante Rebic, expulso por causa de uma falta bastante violenta no brasileiro Danilo.

No segundo tempo, o domínio do time da casa permaneceu, enquanto o Milan, que teve Paquetá como titular até os 38 minutos do segundo tempo, buscou os contra-ataques, mas errou muitos passes.

Os dois técnicos aproveitaram as novas regras por causa da pandemia do coronavírus e fizeram nove alterações durante o jogo. Foram quatro na Juventus e cinco no Milan.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Cristiano Ronaldo perde pênalti, mas Juventus vai à final da Copa da Itália


12/06/2020 | 18:35


A Juventus garantiu vaga na final da Copa da Itália, nesta sexta-feira, em Turim, após empate sem gols com o Milan. No primeiro jogo, em fevereiro, no Estádio San Siro, em Milão, as equipes haviam empatado também, mas por 1 a 1. O gol fora de casa foi determinante para a classificação.

Com o resultado, o time do português Cristiano Ronaldo vai jogar a decisão na próxima quarta-feira, em Roma, diante do vencedor do confronto entre Napoli e Internazionale, que jogam, neste sábado, em Nápoles. O time napolitano venceu o primeiro duelo, em Milão, por 1 a 0.

Mesmo com a vantagem de poder empatar sem gols para lutar pela 14.ª taça da competição, a Juventus dominou grande parte da partida e merecia ter saído de campo com a vitória. Aos 16 minutos, Cristiano Ronaldo teve a chance de abrir o placar, mas desperdiçou a cobrança de um pênalti, ao acertar a trave direita do goleiro Gianluigi Donnarumma, um dos melhores em campo.

Logo após essa jogada, o Milan perdeu o atacante croata Ante Rebic, expulso por causa de uma falta bastante violenta no brasileiro Danilo.

No segundo tempo, o domínio do time da casa permaneceu, enquanto o Milan, que teve Paquetá como titular até os 38 minutos do segundo tempo, buscou os contra-ataques, mas errou muitos passes.

Os dois técnicos aproveitaram as novas regras por causa da pandemia do coronavírus e fizeram nove alterações durante o jogo. Foram quatro na Juventus e cinco no Milan.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;