Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Imigrantes ilegais são espancados e jogados no mar em PE



14/11/2003 | 00:04


Seis africanos foram jogados na quarta-feira, em alto-mar, a cerca de oito quilômetros da costa pernambucana, ao serem descobertos pela tripulação do navio chinês Tu King, no qual viajavam como clandestinos. Eles foram resgatados no mesmo dia por um pescador.

Outros dois, que também viajavam clandestinos no mesmo navio e se encontravam em outro compartimento, se atiraram ao mar ao ver a confusão e também tiveram ajuda de um outro barco para chegar a Recife.

Com idade entre 15 anos e 21 anos, os jovens disseram ter embarcado em busca de uma vida melhor. Eles vieram de Conacri, capital da Guiné, e viajavam há sete dias no porão sem que ninguém percebesse, até que um deles saiu do esconderijo para ver se já havia sinal de terra e foi flagrado.

Eles acusaram a tripulação de os terem espancado, antes de os jogarem ao mar. Um dos rapazes, Karamoko Suma, quebrou o braço e ficou internado no Hospital da Restauração. Os jovens prestaram depoimento na Polícia Federal, depois de terem sido examinados no Hospital Osvaldo Cruz, especialista em doenças infecto-contagiosas. Nada apresentaram. Eles serão repatriados para Conacri.

Um dos resgatados, Mamadis Kouroma, 21 anos, disse ter embarcado no Tu King sem saber o seu destino. Desempregado e sem perspectivas de vida, ele e os amigos entraram na embarcação por uma abertura que fica por trás do navio. Alimentavam-se de aveia e barras de cereais que levaram. Tudo foi deixado no navio, segundo ele, assim como os documentos e algumas peças de roupa.

A Polícia Federal instaurou inquérito para investigar o caso e espera a inspeção sanitária que está sendo realizada no navio pela Vigilância Sanitária estadual, para interrogar a tripulação do Tu King. Se for comprovada a agressão contra os africanos, o comandante poderá ser acusado de homicídio.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;