Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 28 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Brasil bate recorde de mortes pela Covid

Pixabay Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

País alcança 20.047 óbitos com 1.188 perdas em apenas 24 horas; região mantém ascensão


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

22/05/2020 | 00:01


O Brasil bateu ontem mais um recorde relativo à Covid-19. De acordo com o boletim do Ministério da Saúde, o País registrou 1.188 novas mortes em 24 horas, maior índice desde a chegada do novo coronavírus ao território nacional. No total, 20.047 pessoas já perderam a vida para a doença, dado que mantém o País na sexta colocação mundial em número de vítimas fatais. Além disso, já foram registrados 310.087 casos confirmados do vírus – situação que aproxima o Brasil da segunda colocação no ranking de positivados, ocupada pela Rússia, com 317.554 infectados; a liderança é dos Estados Unidos, com 1.608.084.

Aliás, estes três países, somados, representam quase metade dos registros no mundo de doentes em razão do novo coronavírus. Ontem, segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde) e de outros órgãos internacionais, já são 5.076.846 de positivados, além de 332.425 mortos e 1.936.947 recuperados.

GRANDE ABC
Na região, houve registro do segundo maior número de mortes em um único dia, com 24 óbitos relatados pelas sete prefeituras, 452 no total. Foram dez novos somente em Mauá, que agora contabiliza 49 perdas pela Covid-19. Em Santo André, mais cinco fatalidades foram reportadas e o município soma 120 mortos. Diadema também registrou cinco óbitos, chegando a 71, enquanto São Bernardo contabiliza 164 com quatro novas perdas. São Caetano (32), Ribeirão Pires (11) e Rio Grande da Serra (cinco) mantiveram os índices.

Já com relação aos casos confirmados, o Grande ABC alcançou 4.651, ou seja, 250 novos pacientes positivados com novo coronavírus. Santo André vem abrindo vantagem sobre as vizinhas e soma 1.384 infectados, contra 1.236 de São Bernardo. São ainda 851 em São Caetano, 677 em Diadema, 308 em Mauá, 144 em Ribeirão Pires e 51 em Rio Grande da Serra. Por outro lado, expressivo número de 9.050 pessoas aguardam resultados de exames para saber se estão ou estiveram com Covid-19.

Por fim, os números estaduais mostram São Paulo com 73.739 positivados e, destes, 5.558 (3.272 homens e 2.286 mulheres) evoluíram a óbito. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Brasil bate recorde de mortes pela Covid

País alcança 20.047 óbitos com 1.188 perdas em apenas 24 horas; região mantém ascensão

Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

22/05/2020 | 00:01


O Brasil bateu ontem mais um recorde relativo à Covid-19. De acordo com o boletim do Ministério da Saúde, o País registrou 1.188 novas mortes em 24 horas, maior índice desde a chegada do novo coronavírus ao território nacional. No total, 20.047 pessoas já perderam a vida para a doença, dado que mantém o País na sexta colocação mundial em número de vítimas fatais. Além disso, já foram registrados 310.087 casos confirmados do vírus – situação que aproxima o Brasil da segunda colocação no ranking de positivados, ocupada pela Rússia, com 317.554 infectados; a liderança é dos Estados Unidos, com 1.608.084.

Aliás, estes três países, somados, representam quase metade dos registros no mundo de doentes em razão do novo coronavírus. Ontem, segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde) e de outros órgãos internacionais, já são 5.076.846 de positivados, além de 332.425 mortos e 1.936.947 recuperados.

GRANDE ABC
Na região, houve registro do segundo maior número de mortes em um único dia, com 24 óbitos relatados pelas sete prefeituras, 452 no total. Foram dez novos somente em Mauá, que agora contabiliza 49 perdas pela Covid-19. Em Santo André, mais cinco fatalidades foram reportadas e o município soma 120 mortos. Diadema também registrou cinco óbitos, chegando a 71, enquanto São Bernardo contabiliza 164 com quatro novas perdas. São Caetano (32), Ribeirão Pires (11) e Rio Grande da Serra (cinco) mantiveram os índices.

Já com relação aos casos confirmados, o Grande ABC alcançou 4.651, ou seja, 250 novos pacientes positivados com novo coronavírus. Santo André vem abrindo vantagem sobre as vizinhas e soma 1.384 infectados, contra 1.236 de São Bernardo. São ainda 851 em São Caetano, 677 em Diadema, 308 em Mauá, 144 em Ribeirão Pires e 51 em Rio Grande da Serra. Por outro lado, expressivo número de 9.050 pessoas aguardam resultados de exames para saber se estão ou estiveram com Covid-19.

Por fim, os números estaduais mostram São Paulo com 73.739 positivados e, destes, 5.558 (3.272 homens e 2.286 mulheres) evoluíram a óbito. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;