Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 28 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

China prepara nova lei de segurança nacional para Hong Kong

Reprodução/Instagram Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


21/05/2020 | 13:22


A China informou nesta quinta-feira (21) que iniciaria um processo para aplicar unilateralmente as leis de segurança nacional a Hong Kong, aumentando a chance de novos confrontos com ativistas pela democracia.

Segundo Zhang Yesui, porta-voz do Legislativo chinês, os parlamentares vão deliberar sobre o projeto de resolução que permite ao Congresso Nacional do Povo traçar uma legislação que visa "parar atividades subversivas e a interferência estrangeira" em Hong Kong.

A legislatura, que inicia sua sessão anual na sexta-feira, deve aprovar a resolução na próxima semana.

Há menos de um ano Hong Kong foi consumida por distúrbios antigovernamentais, contra a retirada de autonomia da cidade. E desde o ano passado o governo central da China tem sinalizado para a criação de uma legislação de segurança nacional urgente, para manter Hong Kong sob controle.

A ex-colônia britânica foi entregue ao controle chinês em 1997, sob a condição de ser concedido um alto grau de autonomia sob uma estrutura de "um país, dois sistemas" até 2047.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

China prepara nova lei de segurança nacional para Hong Kong


21/05/2020 | 13:22


A China informou nesta quinta-feira (21) que iniciaria um processo para aplicar unilateralmente as leis de segurança nacional a Hong Kong, aumentando a chance de novos confrontos com ativistas pela democracia.

Segundo Zhang Yesui, porta-voz do Legislativo chinês, os parlamentares vão deliberar sobre o projeto de resolução que permite ao Congresso Nacional do Povo traçar uma legislação que visa "parar atividades subversivas e a interferência estrangeira" em Hong Kong.

A legislatura, que inicia sua sessão anual na sexta-feira, deve aprovar a resolução na próxima semana.

Há menos de um ano Hong Kong foi consumida por distúrbios antigovernamentais, contra a retirada de autonomia da cidade. E desde o ano passado o governo central da China tem sinalizado para a criação de uma legislação de segurança nacional urgente, para manter Hong Kong sob controle.

A ex-colônia britânica foi entregue ao controle chinês em 1997, sob a condição de ser concedido um alto grau de autonomia sob uma estrutura de "um país, dois sistemas" até 2047.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;