Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 25 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Anfavea capta queda de 86,5% na média diária de vendas de veículos

Celso Luiz/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


06/04/2020 | 12:40


A média diária de venda de veículos enfrentou uma queda de 86,5% entre a primeira e a última semana de março, informou nesta segunda-feira, 6, a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), em apresentação divulgada no período da manhã.

Na primeira semana, antes das paralisações que ocorreram por causa da pandemia do coronavírus, a média diária foi de 10,7 mil unidades. Na segunda semana, passou para 11 mil.

Na terceira, já com as primeiras paralisações na economia, caiu para 9,4 mil. Na quarta e na quinta, despencou para 1,2 mil e 1,4 mil, respectivamente.

Na apresentação dos resultados de março, o presidente da Anfavea, Luiz Carlos Moraes, ressaltou que a queda vista ao longo de março é similar às que foram enfrentadas por outros países também afetados pela pandemia.

Na China, o mercado de veículos teve recuo de 80% em fevereiro ante igual mês de 2019. Em março, ante igual mês de 2019, a Itália teve retração de 85%; a França, 72%; e a Espanha, 69%.

"O que estamos enfrentamos nos últimos dias de março e em abril está na mesma dimensão que outros países passaram recentemente", afirmou Moraes, que ressaltou que, até o dia 18 de março, o mercado acumulava alta de 9% em 2020, em linha com projeção da associação para o ano.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Anfavea capta queda de 86,5% na média diária de vendas de veículos


06/04/2020 | 12:40


A média diária de venda de veículos enfrentou uma queda de 86,5% entre a primeira e a última semana de março, informou nesta segunda-feira, 6, a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), em apresentação divulgada no período da manhã.

Na primeira semana, antes das paralisações que ocorreram por causa da pandemia do coronavírus, a média diária foi de 10,7 mil unidades. Na segunda semana, passou para 11 mil.

Na terceira, já com as primeiras paralisações na economia, caiu para 9,4 mil. Na quarta e na quinta, despencou para 1,2 mil e 1,4 mil, respectivamente.

Na apresentação dos resultados de março, o presidente da Anfavea, Luiz Carlos Moraes, ressaltou que a queda vista ao longo de março é similar às que foram enfrentadas por outros países também afetados pela pandemia.

Na China, o mercado de veículos teve recuo de 80% em fevereiro ante igual mês de 2019. Em março, ante igual mês de 2019, a Itália teve retração de 85%; a França, 72%; e a Espanha, 69%.

"O que estamos enfrentamos nos últimos dias de março e em abril está na mesma dimensão que outros países passaram recentemente", afirmou Moraes, que ressaltou que, até o dia 18 de março, o mercado acumulava alta de 9% em 2020, em linha com projeção da associação para o ano.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;