Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 5 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Monitor do PIB aponta alta de 0,7% em janeiro ante dezembro, diz FGV



30/03/2020 | 11:06


O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro cresceu 0,7% em janeiro ante dezembro de 2019, segundo o Monitor do PIB, apurado pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV). Na comparação com janeiro de 2019, a economia cresceu 1,2% em janeiro.

"A economia inicia 2020 com resultado positivo em janeiro (1,1% na taxa acumulada em 12 meses) na comparação com dezembro, evidenciando a continuidade da lenta e medíocre retomada que vinha tendo desde 2017, quando iniciou-se o período expansivo após a recessão iniciada em 2014", diz a nota divulgada nesta segunda-feira, 30, pela FGV.

A atividade econômica de janeiro foi puxada pelo consumo.

Na comparação entre trimestres móveis, o consumo das famílias avançou 1,4% nos três meses encerrados em janeiro, ante igual período de um ano antes.

A formação bruta de capital fixo (FBCF, medida dos investimentos no PIB) caiu 1,2% na mesma base de comparação.

O Monitor do PIB de janeiro ainda não capta impactos negativos da pandemia do novo coronavírus. Para a FGV, o crescimento econômico de janeiro "não se sustentará ao longo do ano frente aos desafios econômicos e sociais que estarão sendo sentidos a partir de março, com a chegada da Pandemia do Covid-19."



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Monitor do PIB aponta alta de 0,7% em janeiro ante dezembro, diz FGV


30/03/2020 | 11:06


O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro cresceu 0,7% em janeiro ante dezembro de 2019, segundo o Monitor do PIB, apurado pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV). Na comparação com janeiro de 2019, a economia cresceu 1,2% em janeiro.

"A economia inicia 2020 com resultado positivo em janeiro (1,1% na taxa acumulada em 12 meses) na comparação com dezembro, evidenciando a continuidade da lenta e medíocre retomada que vinha tendo desde 2017, quando iniciou-se o período expansivo após a recessão iniciada em 2014", diz a nota divulgada nesta segunda-feira, 30, pela FGV.

A atividade econômica de janeiro foi puxada pelo consumo.

Na comparação entre trimestres móveis, o consumo das famílias avançou 1,4% nos três meses encerrados em janeiro, ante igual período de um ano antes.

A formação bruta de capital fixo (FBCF, medida dos investimentos no PIB) caiu 1,2% na mesma base de comparação.

O Monitor do PIB de janeiro ainda não capta impactos negativos da pandemia do novo coronavírus. Para a FGV, o crescimento econômico de janeiro "não se sustentará ao longo do ano frente aos desafios econômicos e sociais que estarão sendo sentidos a partir de março, com a chegada da Pandemia do Covid-19."

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;