Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 2 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Hospital das Clínicas faz campanha e busca arrecadar R$ 10 milhões



28/03/2020 | 07:03


Não é exagero dizer que todos lutam uma guerra contra o novo coronavírus. E os funcionários do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo estão pedindo ajuda para vencê-la.

Um perfil exclusivo foi criado nas redes sociais, intitulado "Vem pra Guerra". A campanha tentará levantar fundos e tem como objetivo alcançar

R$ 10 milhões até o dia 2 de abril. Pela causa, as plataformas de arrecadação não cobrarão taxas nas transferências do dinheiro.

As doações para a campanha "Vem pra Guerra" serão revertidas para a compra de 40 mil máscaras N95, 670 mil máscaras cirúrgicas, 6,7 mil litros de álcool gel, 45 mil aventais, 211 mil toucas e três máquinas portáteis de raio X para dois meses de atendimento, segundo as projeções de aumento dos atendimentos feitas pelos profissionais do Hospital das Clínicas.

"O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP) está na linha de frente do combate ao avanço da pandemia e está preparando um projeto de reestruturação de seus leitos e UTI's para enfrentar a ameaça do novo coronavírus", diz o comunicado.

"Para garantir a integridade da equipe e pacientes, prevenção ao contágio, a manutenção da quantidade e qualidade dos atendimentos, estima-se um crescimento de mais de 400% na demanda desses materiais. Infelizmente, com o avanço da epidemia, a demanda desses insumos esgotou os estoques e acarretou o aumento exponencial dos preços", alerta a campanha, que conta com a hashtag #VemPraGuerra para conseguir engajamento em todas as redes sociais.

Até na ontem, mais de seis mil pessoas já haviam feito doações para a campanha.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Hospital das Clínicas faz campanha e busca arrecadar R$ 10 milhões


28/03/2020 | 07:03


Não é exagero dizer que todos lutam uma guerra contra o novo coronavírus. E os funcionários do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo estão pedindo ajuda para vencê-la.

Um perfil exclusivo foi criado nas redes sociais, intitulado "Vem pra Guerra". A campanha tentará levantar fundos e tem como objetivo alcançar

R$ 10 milhões até o dia 2 de abril. Pela causa, as plataformas de arrecadação não cobrarão taxas nas transferências do dinheiro.

As doações para a campanha "Vem pra Guerra" serão revertidas para a compra de 40 mil máscaras N95, 670 mil máscaras cirúrgicas, 6,7 mil litros de álcool gel, 45 mil aventais, 211 mil toucas e três máquinas portáteis de raio X para dois meses de atendimento, segundo as projeções de aumento dos atendimentos feitas pelos profissionais do Hospital das Clínicas.

"O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP) está na linha de frente do combate ao avanço da pandemia e está preparando um projeto de reestruturação de seus leitos e UTI's para enfrentar a ameaça do novo coronavírus", diz o comunicado.

"Para garantir a integridade da equipe e pacientes, prevenção ao contágio, a manutenção da quantidade e qualidade dos atendimentos, estima-se um crescimento de mais de 400% na demanda desses materiais. Infelizmente, com o avanço da epidemia, a demanda desses insumos esgotou os estoques e acarretou o aumento exponencial dos preços", alerta a campanha, que conta com a hashtag #VemPraGuerra para conseguir engajamento em todas as redes sociais.

Até na ontem, mais de seis mil pessoas já haviam feito doações para a campanha.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;