Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 21 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Supostos membros do Esquadrao da Morte voltarao ao AC


Do Diário do Grande ABC

10/01/2000 | 11:18


Os últimos 13 presos acusados de pertencerem ao esquema do Narcotráfico e ao Esquadrao da Morte no Acre, e que se encontravam no Presídio da Papuda, em Brasília, sao esperados em Rio Branco. Eles estao sendo transferidos a pedido do juiz federal Pedro Francisco Silva, que pretende interrogá-los, a partir de quarta-feira, sobre os assassinatos do ex-policial civil Walter José Ayala e do bombeiro Sebastiao Crispim, ambos ex-membros do esquadrao da morte no Estado.

Depois de ouvidos, os detentos nao deverao retornar a Brasília. Eles permanecerao no Acre, onde foi construído um novo pavilhao na Penitenciária Francisco de Oliveira Conde, especialmente para conter os 54 acusados de pertencer ao crime organizado no Estado.

O edifício, apelidado de Papudinha, numa referência à Papuda, em Brasília, está sendo inaugurado nesta manha. Os presos que se encontram no quartel da Polícia Militar e delegacias policiais, deverao ser transferidos nesta terça-feira.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Supostos membros do Esquadrao da Morte voltarao ao AC

Do Diário do Grande ABC

10/01/2000 | 11:18


Os últimos 13 presos acusados de pertencerem ao esquema do Narcotráfico e ao Esquadrao da Morte no Acre, e que se encontravam no Presídio da Papuda, em Brasília, sao esperados em Rio Branco. Eles estao sendo transferidos a pedido do juiz federal Pedro Francisco Silva, que pretende interrogá-los, a partir de quarta-feira, sobre os assassinatos do ex-policial civil Walter José Ayala e do bombeiro Sebastiao Crispim, ambos ex-membros do esquadrao da morte no Estado.

Depois de ouvidos, os detentos nao deverao retornar a Brasília. Eles permanecerao no Acre, onde foi construído um novo pavilhao na Penitenciária Francisco de Oliveira Conde, especialmente para conter os 54 acusados de pertencer ao crime organizado no Estado.

O edifício, apelidado de Papudinha, numa referência à Papuda, em Brasília, está sendo inaugurado nesta manha. Os presos que se encontram no quartel da Polícia Militar e delegacias policiais, deverao ser transferidos nesta terça-feira.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;