Fechar
Publicidade

Domingo, 7 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Ribeirão Pires decreta
estado de calamidade

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Cidade é a terceira da região a recorrer à medida; outras quatro decretaram estado de emergência


Aline Melo
Do Diário do Grande ABC

23/03/2020 | 17:50


O prefeito de Ribeirão Pires, Adler Kiko Teixeira (PSDB) publicou na tarde de hoje decreto de calamidade. Assim como Santo André e São Caetano, a cidade é a terceira da região a recorrer à medida. São Bernardo, Diadema, Mauá e Rio Grande da Serra decretaram estado de emergência, todos para enfrentar a pandemia de Covid-19. O decreto de calamidade pública tem validade de 90 dias e permite que sejam requisitados bens e serviços de pessoas naturais e jurídicas, com garantia de pagamento posterior; determina o fechamento de parques, centros culturais e a suspensão de programas municipais que possam ensejar a aglomeração de pessoas.

Suspende as férias, licença prêmio e abonadas de todos os servidores da saúde, bem como determina que todos os médicos, independente da especialidade para a qual foram contratados, passem a atuar como generalistas. Por fim, o decreto limita a cinco pessoas o número de participantes simultâneos e na mesma sala em velórios, e indica que para os óbitos decorrentes da doença, os corpos devem ser sepultados em urnas funerárias lacradas.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ribeirão Pires decreta
estado de calamidade

Cidade é a terceira da região a recorrer à medida; outras quatro decretaram estado de emergência

Aline Melo
Do Diário do Grande ABC

23/03/2020 | 17:50


O prefeito de Ribeirão Pires, Adler Kiko Teixeira (PSDB) publicou na tarde de hoje decreto de calamidade. Assim como Santo André e São Caetano, a cidade é a terceira da região a recorrer à medida. São Bernardo, Diadema, Mauá e Rio Grande da Serra decretaram estado de emergência, todos para enfrentar a pandemia de Covid-19. O decreto de calamidade pública tem validade de 90 dias e permite que sejam requisitados bens e serviços de pessoas naturais e jurídicas, com garantia de pagamento posterior; determina o fechamento de parques, centros culturais e a suspensão de programas municipais que possam ensejar a aglomeração de pessoas.

Suspende as férias, licença prêmio e abonadas de todos os servidores da saúde, bem como determina que todos os médicos, independente da especialidade para a qual foram contratados, passem a atuar como generalistas. Por fim, o decreto limita a cinco pessoas o número de participantes simultâneos e na mesma sala em velórios, e indica que para os óbitos decorrentes da doença, os corpos devem ser sepultados em urnas funerárias lacradas.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;