Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 8 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Apesar de consenso sobre Filippi, rachado


Fabio Martins
Do Diário do Grande ABC

21/03/2020 | 00:01


 O PT de Diadema perde figura histórica. Até conseguiu formar consenso em torno do ex-prefeito José de Filippi Júnior. Essa unidade foi considerada importante internamente e, de fato, teve impacto no primeiro momento. O problema é que grupo do vereador Ronaldo Lacerda, que também chegou a se colocar como possível pré-candidato ao Paço, não viu a contrapartida esperada por ter retirado o nome. Houve sinalização da sigla, em recente reunião interna, que irá lançar chapa mista, com vice de fora. Ricardo Yoshio, antes de se filiar ao PSDB, foi cotado para composição, assim como Vaguinho do Conselho (sem partido). Lacerda foi o mais votado da cidade na eleição de 2016 por vaga à Câmara e, diante do cenário, decidiu sair da legenda, onde está filiado desde 1997. Ele assinou ontem seu desligamento do petismo e já trata com legendas do campo mais à esquerda a proposta de retomada de projeto próprio, entre elas PDT e PCdoB. Ou seja, depois da unidade, racha.

Bastidores
Piscinões
O deputado estadual Thiago Auricchio (PL, à esq.) se reuniu com o superintendente do Daee (Departamento de Águas e Energia Elétrica), Francisco Loducca, para tratar da limpeza dos piscinões e córregos da região, além do início da construção do Piscinão Jaboticabal. “São pautas de grande impacto para a vida do morador do Grande ABC. Por isso é de extrema importância que a gente esteja sempre próximo do Estado para reforçar essas demandas. O Loducca assumiu, recentemente, o Daee e achei relevante apresentar para ele nossas preocupações e, principalmente, ações em contribuição desses projetos.” São 20 piscinões nas sete cidades.

Relações Internacionais
Por falar em Thiago Auricchio, o parlamentar, que é filho do prefeito de São Caetano, José Auricchio Júnior (PSDB), e vice-líder do PL na Assembleia Legislativa, foi nomeado integrante titular da nova comissão de Relações Internacionais na casa. Colegiado instalado no último dia 10 pretende estimular a integração do Estado com organismos internacionais. Inicialmente, a ideia era que o tema fizesse parte da comissão de Atividades Econômicas, contudo, 21 deputados assinaram emenda substitutiva ao projeto inicial, criando especificamente o colegiado, que poderá também tratar da questão do novo coronavírus.

Apoio contra Covid-19
O deputado federal Alex Manente (Cidadania) busca apoio de ministros do governo Jair Bolsonaro (sem partido) para direcionar recursos recuperados da Lava Jato às ações de combate à proliferação do novo coronavírus. O próprio parlamentar compartilhou em suas redes sociais levantamento que trata de R$ 14 bilhões, que considera que o montante ajudaria na prevenção e tratamento da pandemia. Além da Esplanada, Alex tenta também adesão do presidente do STF (Supremo Tribunal Federal) e do procurador-geral da República, Augusto Aras, para que esse dinheiro possa ser usado na saúde, bem como para reverter cenário da crise econômica em decorrência do vírus.

Atividades no gabinete
O vereador Edison Parra (PSB), de São Caetano, decidiu suspender as atividades do seu gabinete na Câmara e no escritório político, permanecendo fechados por tempo indeterminado por conta das orientações de prevenção ao novo coronavírus. A decisão valerá a partir desta segunda-feira. O atendimento aos munícipes, segundo nota encaminhada pelo socialista, seguirá normalmente por meio dos canais oficiais pela internet do parlamentar.

Prazo de janela mantido
Apesar de boa parte do meio político aguardar eventual extensão de prazo da janela partidária – até por conta de medidas restritivas para evitar a disseminação da Covid-19 –, a Justiça Eleitoral ainda mantém o período limite para trocas de sigla. O teto, que permite mudanças a vereadores para concorrer à eleição de outubro sem incorrer em infidelidade, continua fixado em 3 de abril.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Apesar de consenso sobre Filippi, rachado

Fabio Martins
Do Diário do Grande ABC

21/03/2020 | 00:01


 O PT de Diadema perde figura histórica. Até conseguiu formar consenso em torno do ex-prefeito José de Filippi Júnior. Essa unidade foi considerada importante internamente e, de fato, teve impacto no primeiro momento. O problema é que grupo do vereador Ronaldo Lacerda, que também chegou a se colocar como possível pré-candidato ao Paço, não viu a contrapartida esperada por ter retirado o nome. Houve sinalização da sigla, em recente reunião interna, que irá lançar chapa mista, com vice de fora. Ricardo Yoshio, antes de se filiar ao PSDB, foi cotado para composição, assim como Vaguinho do Conselho (sem partido). Lacerda foi o mais votado da cidade na eleição de 2016 por vaga à Câmara e, diante do cenário, decidiu sair da legenda, onde está filiado desde 1997. Ele assinou ontem seu desligamento do petismo e já trata com legendas do campo mais à esquerda a proposta de retomada de projeto próprio, entre elas PDT e PCdoB. Ou seja, depois da unidade, racha.

Bastidores
Piscinões
O deputado estadual Thiago Auricchio (PL, à esq.) se reuniu com o superintendente do Daee (Departamento de Águas e Energia Elétrica), Francisco Loducca, para tratar da limpeza dos piscinões e córregos da região, além do início da construção do Piscinão Jaboticabal. “São pautas de grande impacto para a vida do morador do Grande ABC. Por isso é de extrema importância que a gente esteja sempre próximo do Estado para reforçar essas demandas. O Loducca assumiu, recentemente, o Daee e achei relevante apresentar para ele nossas preocupações e, principalmente, ações em contribuição desses projetos.” São 20 piscinões nas sete cidades.

Relações Internacionais
Por falar em Thiago Auricchio, o parlamentar, que é filho do prefeito de São Caetano, José Auricchio Júnior (PSDB), e vice-líder do PL na Assembleia Legislativa, foi nomeado integrante titular da nova comissão de Relações Internacionais na casa. Colegiado instalado no último dia 10 pretende estimular a integração do Estado com organismos internacionais. Inicialmente, a ideia era que o tema fizesse parte da comissão de Atividades Econômicas, contudo, 21 deputados assinaram emenda substitutiva ao projeto inicial, criando especificamente o colegiado, que poderá também tratar da questão do novo coronavírus.

Apoio contra Covid-19
O deputado federal Alex Manente (Cidadania) busca apoio de ministros do governo Jair Bolsonaro (sem partido) para direcionar recursos recuperados da Lava Jato às ações de combate à proliferação do novo coronavírus. O próprio parlamentar compartilhou em suas redes sociais levantamento que trata de R$ 14 bilhões, que considera que o montante ajudaria na prevenção e tratamento da pandemia. Além da Esplanada, Alex tenta também adesão do presidente do STF (Supremo Tribunal Federal) e do procurador-geral da República, Augusto Aras, para que esse dinheiro possa ser usado na saúde, bem como para reverter cenário da crise econômica em decorrência do vírus.

Atividades no gabinete
O vereador Edison Parra (PSB), de São Caetano, decidiu suspender as atividades do seu gabinete na Câmara e no escritório político, permanecendo fechados por tempo indeterminado por conta das orientações de prevenção ao novo coronavírus. A decisão valerá a partir desta segunda-feira. O atendimento aos munícipes, segundo nota encaminhada pelo socialista, seguirá normalmente por meio dos canais oficiais pela internet do parlamentar.

Prazo de janela mantido
Apesar de boa parte do meio político aguardar eventual extensão de prazo da janela partidária – até por conta de medidas restritivas para evitar a disseminação da Covid-19 –, a Justiça Eleitoral ainda mantém o período limite para trocas de sigla. O teto, que permite mudanças a vereadores para concorrer à eleição de outubro sem incorrer em infidelidade, continua fixado em 3 de abril.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;