Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 26 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Comércios registram aumento na busca por água mineral

Banco de Dados/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Há locais que dobraram as entregas de galões nos últimos dias


Vinícius Castelli
Do Diário do Grande ABC

20/03/2020 | 13:42


Não é só nos supermercados que a busca por suprimentos aumentou, por conta do medo da pandemia do novo coronavírus. Comércios na região que trabalham com vendas de água mineral também estão percebendo aumentos nas vendas.

Em Santo André, por exemplo, O Aqua Life já notou mais procura do público. “As pessoas estão desesperadas, querem estocar água, estão com medo”, explica Maria Dantas, uma das responsáveis pelo estabelecimento. “Tem família que não quer que o idoso saia de casa e já deixa água guardada para um bom tempo."

Ela diz que vendia cerca de 25 galões de água mineral por dia. Nesta semana passou para 40. “E nós aqui, também temos medo de trabalhar, mas temos de atender essa demanda”, explica.

Em São Bernardo, Adriano da Silva, da Universal Distribuidora de Água, diz que as vendas dobraram nos últimos dias. Vendia 50 galões por dia. Hoje esse número subiu para 100. Isso sem contar nas pessoas que retiram no balcão. “Percebi que as pessoas estão preocupadas, estão estocando água para evitar de sair”, diz. Para quem está preocupado, ele garante que seu comércio não ficará desabastecido.

No bairro Barcelona, em São Caetano, Ana Paula, do Serv Água, também sentiu aumento nas vendas. “Aumentou, não muito ainda mas já aumentou". Agora ela espera para ver como ficarão as vendas nos próximos dias.

O andreense Luiz Henrique diz já ter garantido água para mais de um mês. “Estou evitando sair de casa. Moro com minha mulher. Comprei dois galões e agora não preciso me preocupar com isso por um tempo”, afirma. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Comércios registram aumento na busca por água mineral

Há locais que dobraram as entregas de galões nos últimos dias

Vinícius Castelli
Do Diário do Grande ABC

20/03/2020 | 13:42


Não é só nos supermercados que a busca por suprimentos aumentou, por conta do medo da pandemia do novo coronavírus. Comércios na região que trabalham com vendas de água mineral também estão percebendo aumentos nas vendas.

Em Santo André, por exemplo, O Aqua Life já notou mais procura do público. “As pessoas estão desesperadas, querem estocar água, estão com medo”, explica Maria Dantas, uma das responsáveis pelo estabelecimento. “Tem família que não quer que o idoso saia de casa e já deixa água guardada para um bom tempo."

Ela diz que vendia cerca de 25 galões de água mineral por dia. Nesta semana passou para 40. “E nós aqui, também temos medo de trabalhar, mas temos de atender essa demanda”, explica.

Em São Bernardo, Adriano da Silva, da Universal Distribuidora de Água, diz que as vendas dobraram nos últimos dias. Vendia 50 galões por dia. Hoje esse número subiu para 100. Isso sem contar nas pessoas que retiram no balcão. “Percebi que as pessoas estão preocupadas, estão estocando água para evitar de sair”, diz. Para quem está preocupado, ele garante que seu comércio não ficará desabastecido.

No bairro Barcelona, em São Caetano, Ana Paula, do Serv Água, também sentiu aumento nas vendas. “Aumentou, não muito ainda mas já aumentou". Agora ela espera para ver como ficarão as vendas nos próximos dias.

O andreense Luiz Henrique diz já ter garantido água para mais de um mês. “Estou evitando sair de casa. Moro com minha mulher. Comprei dois galões e agora não preciso me preocupar com isso por um tempo”, afirma. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;