Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 5 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Segundo empresa, 21 caminhões e 140 automóveis foram danificados em incêndio

Claudinei Plaza/ DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Polícia investiga se incêndio foi criminoso; outro pátio da mesma companhia também pegou fogo na sexta-feira


Yasmin Assagra
Do Diário do Grande ABC

26/02/2020 | 17:36


O incêndio que atingiu um pátio de estacionamento de caminhões cegonhas na noite do último domingo (23), na Estrada Galvão Bueno, 5.445, no bairro Batistini, em São Bernardo, atingiu a frota de veículos que pertence a empresa Brazul Transportes e Logística, do Grupo SADA. Ao todo, foram atingidos 21 conjuntos - cavalos mecânicos mais semirreboque, sendo que 14 deles estavam carregados com 140 automóveis das marcas Volkswagen, GM, Renault, Toyota, Peugeot, Nissan e Citröen.

A empresa também sofreu outro incêndio, na última sexta-feira (21), que atingiu um cavalo-mecânico e semirreboque carregado com 11 automóveis, estacionado em um posto de abastecimento no município de Caçapava, em São Paulo. 

Em nota, a Brazul informou que "nos dois casos, o fogo se alastrou rapidamente e ocasionou prejuízos materiais de grande valor. Nenhum trabalhador estava no local no momento do incêndio. Ninguém ficou ferido em nenhuma das ocasiões". 

Ainda de acordo com a empresa, diante dos fatos, providências foram tomadas de imediato pela empresa acionando as autoridades competentes e uma investigação criminal foi instaurada para apurar as causas do episódio.

"Iniciamos um plano de ação orientando as operações de forma a assegurar que os serviços logísticos sejam prestados com a mesma eficiência e qualidade que nos caracteriza, além da imprescindível segurança das pessoas e bens envolvidos", finalizam em nota. 

No dia do ocorrido, pelo menos 90 carretas estavam estacionadas no local. O Diário não teve informações se outras frotas também foram atingidas. 

CRIMINOSO - A polícia ainda investiga se a frota incendiada foi alvo de ação criminosa, conforme publicado pelo Diário na última segunda-feira (24). Segundo a SSP (Secretaria de Segurança Pública) o caso foi encaminhado ao 8º DP de São Bernardo do Campo, responsável pela área dos fatos, para prosseguimento das investigações. A perícia foi realizada e, assim que os laudos do IC (Instituto de Criminalística) forem concluídos, serão disponibilizados para análise da autoridade policial.

Leia mais: Incêndio em estacionamento de São Bernardo pode ter sido criminoso



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Segundo empresa, 21 caminhões e 140 automóveis foram danificados em incêndio

Polícia investiga se incêndio foi criminoso; outro pátio da mesma companhia também pegou fogo na sexta-feira

Yasmin Assagra
Do Diário do Grande ABC

26/02/2020 | 17:36


O incêndio que atingiu um pátio de estacionamento de caminhões cegonhas na noite do último domingo (23), na Estrada Galvão Bueno, 5.445, no bairro Batistini, em São Bernardo, atingiu a frota de veículos que pertence a empresa Brazul Transportes e Logística, do Grupo SADA. Ao todo, foram atingidos 21 conjuntos - cavalos mecânicos mais semirreboque, sendo que 14 deles estavam carregados com 140 automóveis das marcas Volkswagen, GM, Renault, Toyota, Peugeot, Nissan e Citröen.

A empresa também sofreu outro incêndio, na última sexta-feira (21), que atingiu um cavalo-mecânico e semirreboque carregado com 11 automóveis, estacionado em um posto de abastecimento no município de Caçapava, em São Paulo. 

Em nota, a Brazul informou que "nos dois casos, o fogo se alastrou rapidamente e ocasionou prejuízos materiais de grande valor. Nenhum trabalhador estava no local no momento do incêndio. Ninguém ficou ferido em nenhuma das ocasiões". 

Ainda de acordo com a empresa, diante dos fatos, providências foram tomadas de imediato pela empresa acionando as autoridades competentes e uma investigação criminal foi instaurada para apurar as causas do episódio.

"Iniciamos um plano de ação orientando as operações de forma a assegurar que os serviços logísticos sejam prestados com a mesma eficiência e qualidade que nos caracteriza, além da imprescindível segurança das pessoas e bens envolvidos", finalizam em nota. 

No dia do ocorrido, pelo menos 90 carretas estavam estacionadas no local. O Diário não teve informações se outras frotas também foram atingidas. 

CRIMINOSO - A polícia ainda investiga se a frota incendiada foi alvo de ação criminosa, conforme publicado pelo Diário na última segunda-feira (24). Segundo a SSP (Secretaria de Segurança Pública) o caso foi encaminhado ao 8º DP de São Bernardo do Campo, responsável pela área dos fatos, para prosseguimento das investigações. A perícia foi realizada e, assim que os laudos do IC (Instituto de Criminalística) forem concluídos, serão disponibilizados para análise da autoridade policial.

Leia mais: Incêndio em estacionamento de São Bernardo pode ter sido criminoso

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;