Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 31 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Incêndio em estacionamento de São Bernardo pode ter sido criminoso

Claudinei Plaza/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Ao menos 15 caminhões cegonhas e 80 carros ficaram totalmente destruídos; ninguém se feriu


Vanessa Soares
Yasmin Assagra
Do Dgabc.com.br

24/02/2020 | 12:53


Atualizada às 14h26

A Polícia Civil investiga se o incêndio que atingiu um pátio de estacionamento de caminhões cegonhas na noite deste domingo (23), na Estrada Galvão Bueno, 5.445, no bairro Batistini, em São Bernardo, foi criminoso.

O Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 22h50. De acordo com informações do boletim de ocorrência, quando chegaram ao local se depararam com dois focos de incêndio distintos, um no fundo e outro no meio do pátio. Cerca de 15 viaturas e 42 homens da Corporação foram deslocados para atender a ocorrência, que foi considerada de grandes proporções e demorou cerca de duas horas para ser controlada. Ninguém ficou ferido.

Na hora do incêndio, 90 carretas estavam estacionadas no local. Ao menos 15 delas ficaram totalmente destruídas. Algumas estavam carregadas e cerca de 80 carros novos também foram queimados. Uma família que tem frota de caminhões estacionados no local e que não quis se identificar acredita que ação foi criminosa.

Moradores da rua Inês de Araújo, próximo do estacionamento, comentam que ouviram a primeira explosão por volta das 22:30. “Foi uma explosão seguida da outra. Se tivesse colocado fogo em um caminhão apenas, demora para pegar fogos nos demais (caminhões). Mas foi de uma vez só”, destaca um morador da rua há 15 anos, que prefere não se identificar. Foi em média 1h30 de incêndio. “Deu muito medo”, acrescentou.

Segundo alguns relatos, tiros também teriam sido ouvidos no local, em seguida das explosões. A perícia investiga a informação, mas explicou que o barulho de pneus estourando são semelhantes ao de disparos de arma de fogo, o que pode ter confundido a vizinhança. A polícia busca agora, câmeras de segurança em outras casas e empresas do entorno.

O caso foi registrado no 8º DP (Assunção), onde o incêndio está sendo investigado.
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;