Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 31 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

EUA: Terceiro colocado contesta divulgação de resultados em prévia Democrata



23/02/2020 | 16:39


Os resultados das prévias eleitorais de Nevada do Partido Democrata continuaram a subir no domingo, um dia após o concurso, e pelo menos uma das candidaturas relatou problemas com o processo, considerado muito complicado.

A campanha do ex-prefeito de South Bend, Indiana, Pete Buttigieg, reclama da mistura dos votos de quatro dias de preito antecipado com os resultados de ontem e solicita uma nova quebra de votos, de acordo com uma carta enviada ao Partido Democrata do estado de Nevada na noite deste sábado, segundo informações do The Wall Street Journal.

A porta-voz dos Democratas em Nevada, Molly Forgey, disse que o partido continua verificando e reportando resultados. "Nunca indicamos que iríamos liberar uma divisão separada de quem participou antecipadamente e de quem voltou pessoalmente neste sábado, e não mudaremos nosso processo de divulgação agora", disse ela. Forgey acrescentou que existe um método formal necessário para solicitar um desafio aos resultados.

Nevada está sob pressão para entregar os resultados de forma mais consistente, após as prévias em Iowa apresentarem problemas como um aplicativo mal elaborado e linhas telefônicas congestionadas. Algumas campanhas pediram uma revisão mais aprofundada dos resultados do caucus de Iowa.

Buttigieg, que empatou tecnicamente em primeiro lugar em Iowa e ficou em segundo em New Hampshire, registrou um terceiro lugar em Nevada, depois que cerca de 60% dos votos foram computados até a manhã deste domingo. Em Nevada, ele ficou atrás do senador Bernie Sanders, de Vermont, que foi anunciado o vencedor no sábado à noite por uma ampla margem, e do ex-vice-presidente Joe Biden, que ficou em segundo lugar. Fonte: Dow Jones Newswires.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;