Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 27 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Donos de imóveis comerciais decidem não pagar hipotecas



25/08/2010 | 07:03


Alguns dos maiores donos de imóveis comerciais dos Estados Unidos estão deixando de pagar a hipoteca das propriedades por opção, em alguns casos numa tentativa de forçar os credores dos empréstimos a reestruturarem a dívida.

Empresas como Macerich, Vornado Realty Trust e Simon Property Group recentemente pararam de pagar hipotecas ou simplesmente devolveram seus imóveis hipotecados, cujo valor atual é inferior ao do empréstimo. Essas companhias têm dinheiro para pagar as dívidas, mas optaram pelo default por acreditarem que ele faz sentido do ponto de vista dos negócios.

"Não fazemos isso levianamente", disse Robert Taubman, executivo-chefe da Taubman Centers, proprietária de centros comerciais de luxo, que no início deste ano decidiu interromper o pagamento dos juros de uma hipoteca de US$ 135 milhões do Pier Shops, centro comercial em Atlantic City.

Taubman devolveu o imóvel ao detentor da hipoteca após calcular que o valor atual do prédio gira em torno de US$ 52 milhões. "Onde está bastante óbvio que a diferença é grande, como no caso do Pier Shops, os proprietários estão tomando decisões difíceis", afirmou.

A solução encontrada por essas empresas é similar a prática dos "defaults estratégicos" adotada pelos mutuários de hipotecas residenciais, que ocorrem em situações nas quais os devedores possuem dinheiro para quitar as mensalidades das hipotecas, mas decidem não pagar mais o empréstimo porque o valor do imóvel ficou abaixo do montante da dívida.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;